Publicidade
MILITARES

Ministro da Defesa aciona Gilmar Mendes

O ministro da Defesa, Fernando Azevedo, enviou ontem representação à Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, por declarações sobre a atuação de militar no combate ao novo coronavírus. Mendes afirmou no sábado, que o Exército está se associando ao ‘genocídio’, em referência à crise provocada pela covid-19 no Brasil, agravada pela falta de um ministro da Saúde titular.
A representação foi protocolada nesta tarde e será analisada nos próximos dias. Se for vislumbrado indícios de crime ou conduta ilegal na postura do ministro, a PGR poderá decidir pelo prosseguimento da investigação. Caso contrário, a notícia de fato será arquivada. Azevedo afirmou na segunda, que a declaração do ministro do Supremo ‘trata-se de uma acusação grave, além de infundada, irresponsável “

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES