Publicidade
Luto

Morre Célio, goleiro dos tempos de ouro do Coritiba

Célio no Couto Pereira, em 2018
Célio no Couto Pereira, em 2018 (Foto: Reprodução de vídeo)

O ex-goleiro do Coritiba Célio morreu nesta terça-feira (15), aos 78 anos. Ele morava com a mulher, Marli, na praia do Jurerê, em Florianópolis (SC). Nascido em Campos Novos (SC), Célio Maciel dos Santos completaria 79 anos daqui a uma semana, em 24 de janeiro de 1940.

Célio atuou em praticamente todos os times de Curitiba, mas ficou marcado pela passagem pelo Coritiba. Foi campeão estadual em 1971 e 1972, nos dois primeiros anos do hexacampeonato paranaense. Ainda conquistou os estaduais de 1968, 1969 e 1980. Ele disputou 147 partidas pelo Coxa, sendo o oitavo goleiro que mais atuou pelo clube.

Também atuou por Athletico, Colorado e Pinheiros – times que formaram o Paraná Clube. Além disso, tinha como característica sair da área para tentar driblar os atacantes adversários.

O goleiro começou a carreira no Britânia – que depois se fundiu com Ferroviário e Palestra Itália, dando origem ao Colorado – em 1957. Em 1963, transferiu-se para o Floriano (SC). Ainda jogou no Internacional (1965) e no Juventude (1966 e 1967) e no Athletico (1968) antes de assinar com o Coritiba, em 1968. Saiu de lá em 1973, quando foi para o Londrina. Ainda jogou por Figueirense (1973), Pinheiros (1974 a 76), Colorado (1976 e 77), Londrina (1977), Colorado (1978) e Iguaçu de União da Vitória (1979) e encerrou a carreira no Coritiba em 1980.

O corpo de Célio está sendo velado no crematório de Balneário Camboriú (SC). Será cremado em ato programado para esta quarta-feira (16), às 9 horas.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES