Comportamento

Mulheres viajando a turismo sozinhas vira tendência

(Foto: Divulgação/Assessoria de imprensa)

Passar momentos relaxantes, conhecendo novos lugares e culturas, é o objetivo da maioria das mulheres ao buscar uma viagem sozinhas. Para conhecer esse perfil feminino, a empresa de aviação British Airways entrevistou mulheres de oito países, incluindo o Brasil, mostrando que, cada vez mais, elas preferem viajar desacompanhadas.

A pesquisa também apontou que 60% das brasileiras que viajam desacompanhadas buscam independência e liberdade. Essa procura das mulheres por férias individuais é sentida também no setor hoteleiro. Em Curitiba - uma das 21 cidades tendências de destinos no pós-pandemia, elencadas pelo Ministério de Turismo -, a rede hoteleira já sente essa demanda maior por mulheres em viagens.

No Lizon Curitiba Hotel 30% dos hospedes que passaram pelo hotel em 2021 foram mulheres. “Curitiba é uma cidade com atrativos culturais e ambientais, ideal para mulheres que curtem conhecer a gastronomia, a história ou estar ao ar livre. Conhecendo esse perfil de público feminino, valorizamos ainda mais cada estadia oferecendo serviços voltados ao bem-estar, descanso e conhecimento da cultura local”, destaca a gerente geral do Lizon, Denise França.

Em comemoração ao mês da mulher, o Lizon criou uma promoção especial para as hospedes. Durante todo o mês de março as diárias têm um desconto de 10%, aplicadas na tarifa praticada no dia. “O desconto é um presente do Lizon para comemorar o mês das mulheres, incentivando as viagens em busca de independência e bem-estar”, finaliza Denise.