Novo normal

Museu Paranaense reabre neste sábado com quatro mostras inéditas

(Foto: Divulgação)

Depois de mais de um ano de portas fechadas ao público em decorrência da pandemia de Covid-19, o Museu Paranaense (MUPA) reabre neste sábado (08/05) com quatro novas exposições: “Agrocorpus”, "Curitiba: Símbolos em Questão", “Eu Memória, Eu Floresta: História Oculta” e “Educação pela Pedra”. Seguindo todos os protocolos de segurança, o museu estará repleto de novidades para quem está com saudades do contato direto com a cultura. Visitas aos finais de semana e feriados, mais sujeitos a aglomeração, deverão ser agendadas no site do museu.

Dando início à parceria com a Fundação Joaquim Nabuco, do Recife (PE), o MUPA apresenta “Educação pela Pedra”, mostra com curadoria de Moacir dos Anjos e que tem como eixo temático o centenário de nascimento do escritor e poeta recifense João Cabral de Melo Neto. As obras investigam os afetos canalizados pelos versos do poema que dá nome à exposição, escritos em 1966. “O poema nos apresenta a pedagogia da pedra e a sua capacidade de nos ensinar por ela própria, uma cartilha muda, mas que nos educa. Pode ser entendida como a metáfora de nossa relação com a arte: a capacidade que a arte tem de nos emancipar e educar por ela própria, nos fazer ver o mundo de outra maneira”, comenta o curador, que inaugurou a ponte aérea do projeto no final de novembro de 2020 para a montagem da mostra.

Leia mais no Barulho Curitiba