Na estreia de Lisca, Vasco goleia Guarani e fica a um ponto do G-4 da Série B

A era Lisca começou com o pé direito no Vasco. Na noite deste sábado, os cariocas venceram o Guarani, por 4 a 1, em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), pela 14ª rodada, e ficaram a um ponto do G4 - zona de acesso - da Série B do Campeonato Brasileiro.

O triunfo na estreia do substituto de Marcelo Cabo, com gols de Marquinhos Gabriel, Cano (pênalti), Bruno Silva (contra) e Léo Jabá, aumentou a invencibilidade vascaína para seis jogos. Agora, o Vasco ocupa a quinta colocação, com 22 pontos, a um do Guarani (23), que fecha a zona de acesso. Os paulistas, que anotaram com Lucão do Break, perderam série positiva de seis partidas.

O Guarani assustou o Vasco antes do primeiro minuto. Régis, principal jogador dos paulistas, arriscou da entrada da área, e fez o goleiro Vanderlei trabalhar. O Vasco manteve a calma e conseguiu abrir o placar aos 8 minutos. Léo Jabá aproveitou saída de bola errada de Gabriel Mesquita e mandou na área. Bruno Gomes desviou e Marquinhos Gabriel acertou o gol.

Na sequência, aos 12, Régis bateu falta no ângulo e Vanderlei teve que se esticar todo para evitar o empate do Guarani. O goleiro do Vasco voltou a atrapalhar os planos paulistas em bom chute de Rodrigo Andrade aos 18 minutos. Logo depois, aos 20, Vanderlei pegou mais duas. Régis chutou da entrada da área e a bola explodiu no camisa 1. No rebote, Régis tentou de novo e Vanderlei defendeu.

Mas, aos 28 minutos, o Vasco ampliou. Thales derrubou Jabá na área. O artilheiro Cano bateu pênalti com categoria, deslocou Gabriel Mesquita e aumentou o marcador.

O segundo tempo começou truncado, mas os times deslancharam no final. Ainda assim, o Vasco tentou em finalização de Gabriel Pec e o Guarani respondeu com Régis, mas os goleiros levaram a melhor. Aos 23 minutos, Bruno Silva tentou cortar levantamento de Léo Jabá e fez gol contra, aumentando a vitória vascaína.

O Guarani ainda conseguiu descontar aos 36 minutos, mas já era tarde. Andrigo bateu escanteio e Lucão do Break fez de cabeça. Aos 41 minutos, porém, Léo Jabá fez o quarto do Vasco em contra-ataque. Ele bateu na saída do goleiro Gabriel Mesquita.

Na 15.ª rodada, o Vasco fará o clássico carioca contra o Botafogo no sábado (31), às 21 horas, no Nilton Santos, no Rio de Janeiro. O Guarani, enquanto isso, receberá o Vila Nova no mesmo dia, mas às 11 horas, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP).

FICHA TÉCNICA:

VASCO 4 x 1 GUARANI

VASCO - Vanderlei; Léo Matos, Ernando, Leandro Castán e Zeca; Bruno Gomes (Juninho), Galarza e Marquinhos Gabriel (Sarrafiore); Léo Jabá, Cano (Daniel Amorim) e Gabriel Pec (Arthur). Técnico: Lisca.

GUARANI - Gabriel Mesquita; Pablo, Thales, Titi (Lucão do Break) e Bidu; Bruno Silva, Rodrigo Andrade e Régis; Bruno Sávio, Matheus Souza (Andrigo) e Matheus Davó. Técnico: Daniel Paulista.

GOLS - Marquinhos Gabriel, aos 8 minutos, Cano (pênalti), aos 28 minutos, do primeiro tempo. Bruno Silva (contra), aos 23 minutos, Lucão do Break, aos 36 minutos, Léo Jabá, aos 41 minutos, do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Zeca, Marquinhos Gabriel e Ernando (VASCO); Régis, Bruno Silva e Rodrigo Andrade (GUARANI).

ÁRBITRO - Denis da Silva Ribeiro Serafim (AL).

RENDA e PÚBLICO - Portões fechados.

LOCAL - Estádio de São Januário, no Rio de Janeiro (RJ).