Copa do Brasil

Na estreia na Copa do Brasil, Paraná Clube desafia bom retrospecto do Cianorte

O centroavante Da Silva: único novato na provável escalação
O centroavante Da Silva: único novato na provável escalação (Foto: Divulgação/Paraná Clube/Allexandre Felipe)

O Paraná Clube estreia nesta quarta-feira (dia 10) na temporada 2021. O duelo será contra o Cianorte, às 18 horas, no estádio Albino Turbay, pela primeira fase da Copa do Brasil. A disputada ocorre em jogo único. A equipe com melhor posição no ranking da CBF — o Paraná Clube, nesse caso — joga como visitante, mas passa de fase se conseguir um empate.

O Cianorte tem bom retrospecto na Copa do Brasil. Essa será a quarta participação do clube na competição. Em todas as participações anteriores, conseguiu passar da primeira fase. A primeira foi em 2005, quando eliminou o CENE-MS e caiu no duelo com o Corinthians. Em 2013, passou pelo Grêmio Barueri-SP e acabou eliminado pelo Atlético-GO. Em 2018, bateu o ABC-RN e o Criciúma, mas não conseguiu superar o Internacional. No total, soma cinco vitórias, dois empates e quatro derrotas na história da competição.

Nos duelos contra o time da capital, o Cianorte também leva a melhor como mandante. O Paraná nunca venceu o Cianorte no Interior. Nos seis confrontos por competições oficiais, foram cinco empates e uma vitória do mandante.

Cotas
A partida vale R$ 675 mil. Por participarem da primeira fase, os dois clubes recebera, R$ 560 mil cada, a título de cota. Quem avançar, fatura mais R$ 675 mil e acumula R$ 1,2 milhão. Esses são os valores para as equipes do Grupo 3 – equipes que não estão na primeira divisão e nem entre os 15 primeiros do ranking da CBF.
Quem passar, enfrenta na segunda fase o vencedor do duelo entre Ypiranga-AP e Santa Cruz-PE.

Escalação
O técnico Maurílio não deu pistas sobre a escalação, mas informações de bastidores apontam para uma equipe titular dominada por veteranos. O provável time para pegar o Cianorte teria Renan (36 anos); Jailson (30), Anderson Salles (33), Micael (34) e Christianno (29); Mazinho (31), Moisés (26), Ramires (34), Lucas Abreu (33), Juninho (25) e Da Silva (21). A média de idade seria de 30,2 anos.
No entanto, a escalação do Paraná é mistério e ainda não há informações detalhadas sobre o provável esquema tático. É possível que o volante Kaio (25 anos), que terminou a temporada 2020 jogando na lateral-direita, ganhe a posição de Jailson. O zagueiro Jeferson, 28 anos, também está cotado para ser titular. O colombiano Hurtado, 25 anos, tem chances de começar na lateral-esquerda. O ponta Hugo Sanches, 26 anos, é outro que disputa posição no setor ofensivo.

CIANORTE x PARANÁ
Cianorte: Bruno; Michel, Doma, Maurício e Rael; Zé Vitor, Morelli, Grafite, Wilson Jr, Calabrês e Buba. Técnico: João Burse
Paraná: Renan; Jailson (Kaio), Anderson Salles, Micael (Jeferson) e Christianno (Hurtado); Mazinho, Moisés, Ramires, Lucas Abreu e Juninho (Hugo Sanches); Da Silva. Técnico: Maurílio
Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
Local: estádio Albino Turbay, em Cianorte