Publicidade
Pandemia

Na vigência do decreto, números de casos e mortes por Covid-19 dobram no Paraná

(Foto: Geraldo Bubniak)

O número de casos e mortes por coronavírus praticamente dobrou no Paraná nos últimos 14 dias. O prazo compreende o dia em que o governo do Paraná editou o decreto com a quarentena restritiva, em 30 de junho, e o dia em que o decreto deixou de valer, nesta terça-feira (14). Em Curitiba, os números também praticamente dobraram.

Em 30 de junho, quando o governo decidiu que os números eram graves e que uma quarentena restritiva deveria ser executada, o Paraná somava 22.623 casos de coronavírus e 636 mortos.

Nesta terça-feira, o boletim da Secretaria de Estado da Saúde traz 44.870 casos registrados de Covd-19 e 1.129 mortos. O número de ocorrências subiu 98% no período e o de óbitos aumentou 77%. Apesar do aumento, o governo decidiu não prorrogar a quarentena restritiva.

Nesses 14 dias, apesar do decreto que mandava fechar várias atividades do comércio, ainda havia muita gente circulando nas ruas, inclusive sem máscara.

Em Curitiba, a alta foi semelhante. Em 30 de junho, a capital registrava 5.178 casos e 148 mortos por Covid-19. No boletim desta terça-feira, da Secretaria Municipal de Saúde, os casos saltaram para 10.673 – um aumento de 106% – e o número de mortos subiu para 287 – ou 93% a mais que há 14 dias.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES