Publicidade
Remontagem

'Nada de Novo Debaixo do Sol' realiza curta temporada no Miniauditório do Guaíra

(Foto: Divulgação)

No elenco, o próprio produtor e diretor da peça, Jota Eme, contracena com Ananda Kuhn e Glauco Caruso. O texto é de Ewaldo Schleder. Nas linhas, entrelinhas e pausas da história, o autor expressa a amplitude histórica e a simbologia do ataque às torres usando textos poéticos e figuras de linguagem – como metáforas, hipérboles, aliterações, onomatopeias.

Nesta montagem, a obra recebe, do experiente Jota Eme, um tratamento artístico inovador, com fragmentos teatrais e cinematográficos que dão um colorido bastante inusitado à peça.

Apresentada pela primeira vez há dez anos, agora, nesta versão de 2018, o autor reescreve a história visando dar mais ênfase ao ritmo, enxugar palavras e suprimir trechos jornalísticos datados.

Em suma, o teatro e o cinema dialogam agora sobre o acontecimento que mudou o mundo, aquele que inaugurou o século 21.

Serviço:
Nada de Novo Debaixo do Sol
De 24 a 26 de agosto, sexta e sábado às 21h e domingo às 19h
Auditório Glauco Flores de Sá Brito - Miniauditório
Classificação: Maior 16 anos
Ingressos: R$20,00 (vinte reais).

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES