Publicidade

Nadal vence Kyrgios e está nas quartas de final do Aberto da Austrália

O espanhol Rafael Nadal precisou de quatro sets para derrotar a esperança local Nick Kyrgios, nesta segunda-feira, no Aberto da Austrália, se classificando pela 41ª vez na sua carreira às quartas de final de um dos torneios do Grand Slam.

O triunfo por 6/3, 3/6, 7/6 (8/6) e 7/6 (7/4) fez Nadal se juntar ao norte-americano Jimmy Connors no terceiro lugar em aparições nas quartas de final dos quatro principais torneios do tênis, atrás apenas de Roger Federer (57) e Novak Djokovic (46).

Nadal foi quebrado quando sacava para fechar o jogo, não conseguindo converter dois break points no game seguinte. Mas se recompôs para assegurar a vitória no tie-break da quarta parcial diante de Kyrgios.

Dono de 19 títulos de Grand Slam e campeão do Aberto da Austrália em 2009, Nadal alcançou quatro finais em Melbourne desde então. Seu próximo adversário será o austríaco Dominic Thiem, quinto cabeça de chave e que avançou às quartas de final do evento pela primeira vez.

Para isso, o duas vezes vice-campeão de Roland Garros derrotou o francês Gael Monfils por 6/2, 6/4 e 6/4. Foi a sexta vitória consecutiva de Thiem diante de Monfils, resultado que o tornou o primeiro austríaco a alcançar as quartas de final no Melbourne Park desde Stefan Koubek em 2002. Ele, porém, perdeu as duas decisões em Paris para Nadal, que está em vantagem de 13 a 4 no confronto direto.

Também nesta segunda-feira, o alemão Alexander Zverev se garantiu nas quartas de final e encerrou uma série de 15 vitórias do russo Andrey Rublev ao superá-lo por triplo 6/4. Rublev não perdia desde outubro, tendo triunfado em quatro jogos nas finais da Copa Davis e começando a temporada com a conquista de títulos em Doha e Adelaide.

Esta é a primeira vez que Zverev se classifica às quartas de final do Aberto da Austrália e a terceira em um evento do Grand Slam. O sétimo cabeça de chave agora vai jogar contra o suíço Stan Wawrinka, campeão em Melbourne em 2014.

Ele precisou de cinco sets para derrotar o russo Daniil Medvedev, o quarto cabeça de chave, por 6/2, 2/6, 4/6, 7/6 (7/2) e 6/2. Para isso, dominou o tie-break da quarta parcial e conseguiu uma quebra de serviço logo no começo da quinta para encaminhar o seu triunfo. Este foi o 300º triunfo de Wawrinka em quadras duras no circuito mundial. O russo só havia sido derrotado em 2020 uma vez, na ATP Cup, por Djokovic.

Os outros dois jogos das quartas de final da chave masculina do Aberto da Austrália já estavam definidas e serão: Tennys Sandgren (Estados Unidos) x Federer e Milos Raonic (Canadá) x Djokovic.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES