Publicidade
Campeonato Paranaense

'Não merecíamos perder o jogo', diz o técnico do Paraná Clube

Dado Cavalcanti
Dado Cavalcanti (Foto: Valquir Aureliano)

O técnico do Paraná Clube, Dado Cavalcanti, analisou o desempenho da equipe após a derrota para o Cianorte, nessa quinta-feira (dia 21) à noite. “É ruim estar dando essa explicação. Hoje sei que está todo mundo chateado. Mas não merecíamos perder esse jogo. Criamos cinco oportunidades de gol claríssimas no primeiro tempo. Não posso desprezar o rendimento da equipe. Questionem o rendimento contra o Rio Branco... Mas nosso time cresceu, evoluiu, jogou no campo adversário”, declarou.

Dado lamentou que a equipe tenha sofrido dois gols de uma equipe que só havia marcado dois gols nas oito partidas anteriores. “Isso não poderia acontecer, ainda mais nas condições que aconteceram. Mas é importante ver a postura do adversário. Eles marcaram com linha de cinco embaixo e linha de quatro no meio-campo. E o homem da frente voltava para ajudar. Eles abriram mão completamente do contra-ataque. E levaram vantagem na bola área e na falta de estabilidade emocional da nossa equipe”, analisou.

O treinador também explicou a opção pelo chileno Alejandro Márquez para jogar na meia-direita. “A entrada do Alejandro foi mais necessidade, pela ausência de jogadores que fazem essa função. Não é questão de posição, é questão de função. Ali é jogador que sai de dentro para fora. O Alejandro já vinha treinando assim, já fez dois jogos-treino assim”, explicou.

DESTAQUES DOS EDITORES