No Estado do Rio, 125 pessoas morreram de covid-19 nas últimas 24h

O número de pessoas mortas contaminadas por covid-19 chegou a 125, no Estado do Rio de Janeiro, nas últimas 24 horas. Dados da Secretaria Estadual de Saúde demonstram que 89,8% dos leitos de UTI estão ocupados. O prazo de espera para conseguir uma vaga nas unidades intensivas está sendo de sete horas, segundo a mediana calculada pela secretaria.

Em dois municípios, a demanda por UTIs ultrapassa a capacidade de atendimento dos hospitais. O pior cenário é o de Rio das Ostras, no litoral norte fluminense. O painel de monitoramento da doença, elaborado pelo governo estadual, revela uma taxa de ocupação de 182%, no município. Para suprir a necessidade, novos leitos tiveram que ser criados. Em Itaguaí, a taxa é de 140%.

Em outras 11 cidades fluminenses, todos os leitos de UTI estão ocupados - Bom Jesus do Itabapoana, Itaperuna, Maricá, Miguel Pereira, Miracema, Nova Friburgo, Paraíba do Sul, São Fidelis, São Sebastião do Alto, Sapucaia e Teresópolis. A taxa de ocupação da capital é de 92%.

Já a taxa de ocupação das enfermarias, no Estado, é de 71,7%. Neste caso, os pacientes precisam aguardar uma hora e meia para conseguir uma vaga.

Desde o início da pandemia, em março do ano passado, 679.654 moradores do Rio foram contaminados, dos quais 39.423 morreram. Chegaram a ser internadas 90.340 pessoas.