Final

Nos pênaltis, Londrina vence o FC Cascavel e conquista o Paranaense pela 5ª vez

Londrina comemora: campeão
Londrina comemora: campeão (Foto: Divulgação/Londrina EC/Ricardo Chicarelli)

O Londrina é o campeão paranaense de 2021. O título foi conquistado nesta quarta-feira (dia 13), no segundo jogo da final, no Estádio Olímpico Regional, em Cascavel, após o empate em 1 a 1 no tempo normal e a vitória por 6 a 5 nos pênaltis. No jogo de ida, na semana passada, em Londrina, os dois times empataram em 1 a 1, com público de 234 pagantes. O gol como visitante não era critério de desempate. Com o novo empate em 1 a 1, o título acabou na decisão por pênaltis.

Para o Londrina, acertaram: Celsinho, Danilo, Jean Henrique, Felipe Vieira, Dalton e Augusto. Só Salatiel errou (o goleiro Ricardo defendeu).

Nas penalidades, converteram para o FC Cascavel: João Pedro, Willian Gomes, Robinho, Ricardo e Rogério. E erraram: Wilian Simões (goleiro Dalton defendeu) e Carlinhos (na trave).

Clique aqui para ver: gol do FC Cascavel e gol do Londrina.

Clique aqui para ver os melhores momentos do primeiro tempo.

PÚBLICO
O jogo teve público, com 3.681 pessoas no estádio. O espaço estava limitado a 5.628 pessoas, devido às restrições relativas à Covid-19.

HISTÓRIA
O Londrina chegou ao seu 5º título estadual – foi campeão em 2021, 2014, 1992, 1981 e 1962. Na campanha de 2021, o time somou cinco vitórias, 11 empates e uma derrota ao longo da competição. Terminou a primeira fase em quinto lugar. Em seguida, passou por Cianorte e Operário.

Fundado em 2008, o FC Cascavel disputou a final da competição pela primeira vez na história. O clube terminou o Paranaense como único invicto, com oito vitórias e nove empates – o placar da decisão por pênaltis não conta como resultado oficial. Terminou a primeira fase em segundo lugar, atrás apenas do Operário. Em seguida, eliminou Maringá nas quartas e Athletico na semifinal.

PRIMEIRO TEMPO
O primeiro tempo teve muita disputa física e alguns momentos de tensão entre os jogadores, com empurra-empurra e discussões. Foram poucas jogadas ofensivas. Nos minutos finais, porém, o FC Cascavel pressionou e criou duas boas jogadas. A primeira foi um chute de fora da área do meia João Pedro (ex-Athletico) que parou na trave. A segunda foi a falta cobrada quase na risca da área, cobrada com perfeição pelo zagueiro Willian Gomes. A bola entrou no ângulo: 1 a 0.

SEGUNDO TEMPO
O segundo tempo começou equilibrado. O Londrina teve boa jogada aos 16, quando Luiz Henrique colocou a bola na área. Matheus Bianqui cabeceou, Ricardo espalmou e Salatiel não conseguiu aproveitar o rebote. O empate veio aos 27. Celsinho fez boa jogada e tocou para Salatiel, que chutou cruzado. O goleiro espalmou e Victor Daniel aproveitou, chutando para o gol livre. O jogo ficou truncado nos minutos finais e a decisão foi para os pênaltis.

FC CASCAVEL 1x1 LONDRINA
Cascavel: Ricardo; Henrique Santos (Carlinhos), Afonso, Lucas Oliveira, Willian Gomes e Wilian Simões; Gama, Willyan Sotto (Douglas Netto, depois Rogério) e João Pedro; Robinho e Léo Itaperuna. Técnico: Tcheco
Londrina: Dalton; Luan (Celsinho), Zé Pedro, Augusto e Felipe Vieira; Matheus Bianqui e Bidía (Jean Henrique); Marcelo Freitas (Toni Nang), Victor Daniel (Danilo) e Luiz Henrique (Juan); Salatiel. Técnico: Márcio Fernandes
Gol: Willian Gomes (49-1º) e Victor Daniel (27-2º)
Cartões amarelos: Henrique Santos (C). Augusto, Salatiel, Luan (L)
Árbitro: Lucas Paulo Torezin (PR)
Público: 2.774 pagantes (3.681 total)
Local: Estádio Olímpico Regional, em Cascavel