Publicidade
UTILITÁRIO ESPORTIVO URBANO

Novo Peugeot 2008 2020 estreia novo design por R$ 69.990

Peugeot 2008 2020: design desenvolvido no Brasil tem capô mais alto
Peugeot 2008 2020: design desenvolvido no Brasil tem capô mais alto (Foto: Divulgação)

O Peugeot 2008 passa por sua primeira mudança no visual por aqui desde que foi lançado no Brasil em 2.015. Mas a mais aguardada das alterações ficou para mais tarde, o motor 1.6 THP ligado ao câmbio automático de seis marchas, como no Citroën C4 Cactus, ficou para o segundo semestre.
O motor 1.6 aspirado flex de 118 cv e 16,3 kgfm de torque foi mantido no Peugeot 2008 2020. Ele é atrelado somente à transmissão automática com seis marchas.
Não faltaram mudanças no visual. Os cromados da carroceria, empregados nos retrovisores e acima da janela traseira foram substituídos por elementos em preto brilhante.

Ele ganhou também molduras nas caixas de roda em todas as versões, item antes presente apenas no Crossway. As rodas de liga-leve são novas assim como a lente da lanterna traseira, que foi escurecida. Por dentro, novos materiais nos bancos e coloração.
A versão de entrada Allure de R$ 69.990 já vem de série com quatro airbags, ar-condicionado digital, central multimídia com Android Auto e Apple CarPlay, calotas de 16 polegadas, direção elétrica com ajuste de altura e profundidade e ar-condicionado digital de uma zona.

A Allure Pack de R$ 79.990 adiciona câmera de ré, rodas de liga-leve de 16 polegadas, alarme, luz de neblina e volante revestido de couro.
A topo de linha com motor aspirado, a Griffe de R$ 89.990, traz a mais dois airbags, teto panorâmico, bancos de couro e tecido, sensor de chuva e farol, sensor de ré, ar-condicionado digital de duas zonas e freio de mão diferenciado. 

Sem preço revelado, a versão THP finaliza a linha com seletor de modo de condução, acabamento interno em preto brilhante e faróis de neblina com acendimento nas curvas.
Segundo o diretor de marketing das marcas do Grupo PSA no Brasil (Peugeot, Citroën e DS), Antoine Gaston-Breton, a estratégia é alinhar o 2008 com os seus dois irmãos importados e bem-sucedidos, criando assim uma oferta completa de SUVs, partindo do compacto que agora varia de R$ 70 mil a R$ 100 mil, passando pelo médio 3008 de R$ 140 mil a R$ 167 mil e chegando ao 5008, de sete lugares, por R$ 185 mil.

DESTAQUES DOS EDITORES