Publicidade
Saúde

Número de casos de dengue supera último ano e saúde confirma duas mortes

Curitiba realizou mutirão de coleta de lixo contra a dengue na CIC
Curitiba realizou mutirão de coleta de lixo contra a dengue na CIC (Foto: Divulgação/SMCS)

O número de casos de dengue confirmados no Paraná neste ano ultrapassou o período passado. Segundo o boletim da Secretaria de Estado da Saúde divulgado nesta terça-feira (19), no ano epidemiológico de 2018/2019, e que vai até julho deste ano, são 1.197 casos. No ano anterior (2017/2018) foram 992 caos. O ano epidemiológico vai de agosto de um ano a julho do ano seguinte. Também foram confirmadas duas mortes em decorrência da dengue, ambas em Londrina.

O número de municípios com casos confirmados da doença subiu de 108 para 116. Na semana passada o boletim apontava 290 cidades com notificações. Nesta semana são 299. Lupionópolis, Uraí, Itambé e Santa Mariana são considerados municípios em epidemia e Moreira Sales, Rancho Alegre, Santo Antônio do Paraíso, Abatiá, Capanema e Nova Londrina estão em alerta.

Mortes
Os dois óbitos em decorrência da dengue aconteceram entre 3 e 7 de março, em Londrina (17ª Regional de Saúde), área considerada de alta infestação, e estavam sob investigação. São dois homens. Um de 89 anos, sem comorbidades (problemas de saúde) registradas, e outro de 60 anos, com hipertensão arterial. Os dois casos são autóctones, ou seja, as pessoas foram contaminadas no próprio município onde moravam.

A secretaria alerta para que a população adote os cuidados, evitando acúmulo de água parada, de lixo e entulhos nos quintais e que faça a limpeza de terrenos e caixas d’água. “Qualquer recipiente com água parada pode se transformar num criadouro. O fumacê mata o mosquito que está voando, mas não os ovos”, explica Ivana Belmonte, médica veterinária da Vigilância Ambiental da Secretaria de Saúde.


Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES