De graça

Oficina de Música tem inscrições para curso de discotecagem hip hop

(Foto: Divulgação)

A discotecagem hip hop é um dos cursos grátis oferecidos pela Fundação Cultural de Curitiba durante a 39ª Oficina de Música de Curitiba, evento que volta em janeiro em formato presencial e digital. As inscrições estão abertas até dia 17 de dezembro, no site www.oficinademusica.curitiba.pr.gov.br.

Curitiba confirma 39ª Oficina de Música em janeiro. Inscrições abrem nesta terça-feira

O curso O Movimento hip hop e suas práticas musicais será ministrado pelo DJ BK 12 (Kleber Gregório), no Teatro da Vila, na CIC. “O mais novo espaço cultural da cidade será um dos principais palcos das apresentações dos concertos e espetáculos dessa 39º Oficina de Música de Curitiba. O espaço receberá as multiplas influências da cultura hip hop e será uma grande e sala de aula nessa edição”, diz a presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Ana Cristina de Castro.

Com 30 vagas disponíveis, o curso será presencial entre os dias 22 e 28 de janeiro. No site da Oficina de Música, os interessados devem entrar no ícone Cursos, e clicar em Música e Tecnologia. A idade recomendada para o curso é acima de 12 anos.

DJ BK12

O músico e produtor Kleber Gregório tem uma longa trajetória na cena hip hop local. Foi um dos pioneiros do movimento artístico curitibano e fundador, em 1998, da Lapaz Records, primeiro selo musical especializado em Rap em Curitiba.

O DJ é bacharel em música pela Universidade Federal do Paraná, também é formado no Conservatório de MPB de Curitiba, em Canto Popular e Leitura e Estruturação Musical, e tem também especialização em Gestão e Produção em Rádio e Televisão. Foi aluno da Oficina de Música em outras edições e agora volta como professor.

Neste curso BK12 fará uma mistura de teoria com prática, sem segmentar o conteúdo. “Das duas horas diárias de curso, calculo uns 40 minutos de teoria e o restante será prática”, adianta o músico.

A parte teórica é mais uma contextualização do histórico e evolução do movimento hip hop, pincelando as figuras-chaves, a era da tecnologia, a estética e os gêneros musicais.

Na parte prática, serão apresentados os equipamentos utilizados por DJs, as técnicas de preparação de repertório e performances. No final, um repertório próprio criado pelos alunos será apresentado no palco do Teatro da Vila.

A 39ª Oficina de Música de Curitiba é uma realização da Prefeitura de Curitiba, Fundação Cultural de Curitiba e do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (Icac), Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo Pátria Amada Brasil. O evento tem apoio das organizações Família Farinha, Escola de Música e Belas Artes do Paraná, Universidade Estadual do Paraná (Unespar) e Consulado Geral dos Estados Unidos em São Paulo.