Publicidade
Atração

Ônibus Museu leva história para o Calçadão da XV de Novembro

(Foto: Levy Ferreira/SMCS)

A manhã deste sábado (15/6) foi especial para Guilherme, 7 anos. O pai, o vendedor José Carlos do Nascimento, 53 anos, cumpriu a promessa e levou o curitibinha para passear de ônibus.

Mal sabiam que ao chegar ao Calçadão da XV, outro veículo tornaria o passeio singular: eles encontraram o Ônibus Museu, onde Guilherme brincou de arqueologista com peças reais e aprendeu sobre a história da cidade. "Gostei muito", disse o piá.

O prefeito Rafael Greca também visitou esta que foi a primeira viagem do Ônibus Museu além das escolas municipais, e encontrou o Guilherme. “Não é que ele leva jeito para arqueólogo?”, disse o prefeito.

Lançado em maio, o antigo veículo do transporte coletivo agora transformado em unidade cultural moderna e interativa vai ganhar novos públicos. “Resolvemos também trazê-lo para o Centro da cidade para que os curitibinhas que não são matriculados em escolas públicas também possam usufruir do serviço”, destacou o prefeito.


“Uma cidade onde as pessoas têm a noção da história é uma cidade de grande futuro. Toda a inovação só é puxada pela tradição”, complementou Greca.


O professor universitário Gilson Paula Lopes de Souza, 42 anos, aprovou o projeto. Ele e a neta, Clara, 7 anos, acompanharam atentamente as explicações do orientador do ônibus sobre os fósseis encontrados no Geossítio na CIC.

“Não sabia que tínhamos essa riqueza de pesquisas nessa área e achei muito interessante trazer isso para as crianças”, disse.

École de Chaillot
Na visita, o prefeito também apresentou o ônibus à comitiva da École de Chaillot, instituição de ensino de patrimônio da França, que assinou com a Prefeitura e a UTFPR um protocolo de intenções para o intercâmbio de informações na área de restauração de monumentos, com base em outro projeto municipal, o Rosto da Cidade. Visitaram o ônibus diretor da École, Benoit Melon; a responsável pelas relações internacionais, Natacha Pakker; e o professor dos cursos de restauro da École de Chaillot, Leoncio Orellana.

Eles tiveram a oportunidade de ver que o Ônibus Museu aborda três temas: história, paisagem urbana de Curitiba e museologia, tudo com muita tecnologia e interatividade.

A história da cidade é contada desde a pré-história até a formação da metrópole moderna, com suas paisagens, mistura de etnias e interferências artísticas.

Acompanharam a visita a diretora Fundadora do Solar do Rosário, Regina Casillo, e o secretário Municipal do Esporte, Lazer e Juventude, Emílio Trautwein.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES