Publicidade
Política em Debate

Oportunismo

(Foto: Franklin de Freitas)

Parlamentares paranaenses criticaram o filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), deputado federal Eduardo Bolsonaro, que criou uma crise diplomática com a China ao acusar o país asiático de ser responsável pela pandemia mundial do coronavírus. “Lamentável o insulto de Eduardo Bolsonaro à China e a seu povo. Momento exige solidariedade, cooperação e bom senso, sem oportunismos políticos rasteiros. Definitivamente, esse comentário de Eduardo Bolsonaro não representa a opinião do povo brasileiro”, avaliou o deputado Rubens Bueno (CDN).

Xenofobia
A presidenta nacional do PT, Gleisi Hoffmann, e o líder da Bancada do partido na Câmara, Enio Verri, divulgaram nota de repúdio as declarações do filho do presidente. “Não podemos aceitar que integrantes dos poderes constituídos sejam protagonistas de atos movidos pela xenofobia ou mesmo por interesses econômicos e/ou geopolíticos estranhos aos interesses nacionais”, afirmam Gleisi e Verri na nota. Eles lembram que a China tem sido o principal parceiro comercial do Brasil, tendo investido U$79 bilhões no período entre 2003 e 2019.

Reforço
O governador Ratinho Junior recebeu ontem, no Palácio Iguaçu, os presidentes da Assembleia Legislativa, deputado Ademar Traiano, e do Tribunal de Justiça (TJ/PR), desembargador Adalberto Xisto Pereira, o procurador-geral de Justiça, Ivonei Sffogia, e a diretora-geral do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), Luciane Gonçalves Franco, para apresentar as medidas que estão sendo tomadas para controlar a circulação do coronavírus no Estado. A intenção, explicou Ratinho Junior, é encontrar em conjunto soluções para que a população paranaense seja minimamente impactada pela doença, tanto em questões de saúde quanto em aspectos econômicos.

Avaliação
Durante a reunião ficou estabelecido que os Poderes se encontrarão semanalmente para uma avaliação da situação. Além disso, a intenção é reforçar a Comissão Temporária Institucional de Prevenção ao Coronavírus (Covid-19). O órgão, criado pelo Poder Judiciário, conta com desembargadores do Tribunal de Justiça, representantes da Ordem dos Advogados do Brasil – seção do Paraná, do Ministério Público do Paraná, médicos e a Associação dos Magistrados do Paraná. Chefe da Casa Civil, Guto Silva representa o Poder Executivo.

Fake news
O governador pediu uma atenção especial do Judiciário em relação a criação e propagação de fake news. Segundo ele, o serviço de inteligência do Estado está atento, investigando quem são os criadores de notícias falsas neste momento de pandemia de coronavírus. Tribunal de Justiça e Ministério prometeram estudar em conjunto medidas de sanção que possam coibir a circulação de materiais com informações erradas.

Linha Verde
A Câmara Municipal de Curitiba aprovou ontem, em segundo turno, autorização para que a prefeitura firme convênio com o Departamento Nacional de Infraestruturas de Transporte (DNIT), para a conclusão das obras da Linha Verde Norte. Segundo a proposta de lei, as obras serão divididas em duas etapas e compreendem trecho que vai do rio Bacacheri até o entroncamento das BRs 116 e 476; e a implantação de trincheira ligando a rua Rio Juruá com o prolonga-mento da rua Antônio de Cristo, com seis faixas de circulação.

Transporte
As obras, ainda de acordo com o Executivo, incluem a implantação de canaleta exclusiva para o transporte coletivo tipo BRT, para o tráfego de ônibus articu-lados e biarticulados; das vias marginais, que são as duas vias laterais à cana-leta exclusiva, destinadas à circulação de veículos em geral; e das vias locais, esquerda e direita, para acessos e atendimento às atividades lindeiras.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES