Publicidade
Melhor remédio foi você

Pacientes do HNSG gravam vídeo em homenagem aos `acompanhantes´

Pacientes do HNSG gravam vídeo em homenagem aos `acompanhantes´

Durante um tratamento de saúde ou situações de crises ou de dificuldades , um ombro amigo faz toda a diferença. O Hospital Nossa Senhora das Graças (HNSG), sabe dessa importância e para homenagear os acompanhantes de pacientes e a todos que já foram importantes para alguém em algum momento, lançou o seu novo vídeo “O melhor remédio foi você”. Amor, pai, filho, mãe, irmã, amigo, família, foram alguns dos homenageados escolhidos pelos pacientes.

As cenas do vídeo são inspiradas em demonstrações de carinho, momentos vivenciados pelos próprios pacientes e seus acompanhantes durante a rotina do hospital ao som da música “Melhor Remédio Foi Você” de autoria do músico e compositor curitibano Troy Rosilho, feita especialmente para o vídeo.

Em 2017 o compositor vivenciou o que é estar ao lado de quem está passando por um momento delicado com a saúde. Ele acompanhou o processo de tratamento de sua mãe e sua irmã que descobriram com apenas um dia de diferença que estavam com o mesmo tipo de câncer , e passaram pelo tratamento juntas. “Fiquei muito feliz com o convite do hospital para compor a música, foi a possibilidade de participar com o meu trabalho nessa experiência que passamos, um resultado positivo para um tratamento tão delicado, e uma maneira muito especial de encerrar esse ciclo e também de agradecer ao Hospital que cuidou tão bem delas”, diz o músico. O vídeo contou também com a participação especial da cantora Uyara Torrente, vocalista da Banda Mais Bonita da Cidade.

De acordo com o psicólogo do HNSG, José Palcoski, quando você tem alguém ao seu lado com quem pode contar em uma fase da vida que está sendo difícil, a situação pode ser encarada com mais leveza, desde que o acompanhante demonstre a confiança no processo de melhora. “Quando a gente apresenta posturas positivas a pessoa tende a imitar ou repetir aquele comportamento apresentado”, comenta o psicólogo.

A paciente Sara, uma das pacientes que participou das gravações homenageou o seu marido, que foi muito importante para ela quando esteve internada no hospital. “Nada como ter alguém que nos ama apoiando em um momento como esse. Ter com quem conversar ajuda a passar o tempo e também acalma a ansiedade. Meu marido foi essencial para eu ter uma boa cirurgia e uma ótima recuperação. Me ajudava me dando mais confiança, fé, carinho, muita gargalhada e, claro, muito amor”, conta Sara.

DESTAQUES DOS EDITORES