Contra o Rio Branco

Paraná faz duelo direto pela classificação contra ex-auxiliar e 'ex-freguês'

Maurílio, técnico do Paraná, fará duelo contra seu ex-auxiliar, Victor Annes
Maurílio, técnico do Paraná, fará duelo contra seu ex-auxiliar, Victor Annes (Foto: Divulgação/ Paraná Clube)

Após perder o clássico contra o Athletico na última sexta-feira (0 a 1), o Paraná Clube volta a campo nesta segunda, novamente na Vila Capanema, para mais um jogo de seis pontos. Sétimo colocado com oito pontos no Campeonato Paranaense, o time liderado por Maurílio Silva encara o Rio Branco, nono colocado com seis pontos.

Considerando que apenas os oito primeiros se classificam para o mata-mata, temos então um confronto direto entre equipes que tentam, a quatro rodadas do fim da primeira fase, manter vivo o sonho do título estadual e, ao mesmo tempo, permanecer distante da zona de rebaixamento, hoje ocupada por Cascavel CR, com quatro pontos, e Maringá, com cinco.

Do lado paranista, algumas mudanças terão de ser feitas no ataque, forçosamente. Isso porque o ponta Thiago Alves está suspenso e o centroavante Pedro Augusto, lesionado. Com isso, devem entrar no time Elielton ou Maxi Rodríguez na vaga de Thiago Alves (se o uruguaio for a opção, deve jogar mais centralizado com Juninho deslocado para a ponta), enquanto no ataque a tendência é que Da Silva ganhe nova chance como titular.

Nos últimos dias, no entanto, a equipe ganhou mais uma opção para o setor ofensivo. Trata-se do atacante Gustavo França, de 23 anos, que estava no Metropolitano de Blumenau (SC), onde jogou nove jogos e fez um gol, participando da campanha que terminou com o time rebaixado à segunda divisão do Campeonato Catarinense deste ano.

Ex-auxiliar do Paraná assume o Rio Branco

Pelo Leão da Estradinha, a grande novidade estará no banco de reservas. Depois de perder para o Athletico no último dia 25, o time de Paranaguá demitiu Norberto Lemos (e em seguida perdeu mais um jogo, contra o Cascavel CR, por 4 a 2). No sábado, porém, o Rio Branco anunciou seu novo comandante: Victor Hugo Annes, o Vitão, que até o final da última semana era auxiliar-técnico da comissão permanente do Paraná Clube, curiosamente.

Difícil saber, então, o que esperar do time litorâneo no jogo de hoje. Contra o Cascavel CR< porém, o técnico interino Cristiano Bassoli já havia dado uma boa alterada no onze inicial,, com seis novidades no time titular e mudanças em todos os setores do campo, do goleiro ao ataque. Do ponto de vista ofensivo o time até respondeu, marcando dois gols (soma quatro em sete jogos na competição). Do ponto de vista defensivo, porém, piorou: sofreu quatro gols, dobrando o número total de tentos sofridos.

‘Ex-freguês’

Historicamente, a superioridade do Paraná Clube nos confrontos contra o Rio Branco é notório. Desde 1994 foram 41 confrontos entre os times, com 24 vitórias do time da capital, oito empates e apenas nove derrotas, com 56 gols marcados e 29 sofridos. Os números são do site "Histórico de Resultados do Paraná Clube".

Recentemente, contudo, a sorte parece ter mudado de lado no confronto. A última vitória do Tricolor foi em 5 de março de 2017, 1 a 0 com gol marcado por Matheus Carvalho.

Desde então, as equipes já se enfrentaram mais três vezes, com duas vitórias do Rio Branco (por 2 a 0 e 1 a 0) em 2018 e 2019 e um empate (em 0 a 0) no ano passado. A última vez que o time de Paranaguá venceu o Tricolor como visitante, porém, foi em 2010 (1 a 2).

FICHA TÉCNICA

Paraná Clube x Rio Branco

Paraná: Bruno Grassi; Jaílson, Micael, Hurtado e Bryan; Moisés Gaúcho e Ramires; Elielton (Maxi Rodríguez), Juninho e Gustavinho; Da Silva. Técnico: Maurílio Silva.
Rio Branco: Juninho (Lucas Macanhan) Igor Mathias, Renato Oliveira, Marcio Leite (Jacy) e Pedro Botelho; Kevin Arroyo, Zezinho e Bernardo (Guga); Weverton (Paulo Henrique), Matheuzinho e Douglas. Técnico: Victor Hugo Annes.
Local: Vila Capanema, em Curitiba, segunda-feira (3 de maio) às 16 horas