Pandemia

Paraná recebe duas de quatro novas remessas de vacinas contra a Covid-19, que somam 233 mil doses

(Foto: Franklin de Freitas)

O Paraná recebeu parte da nova remessa de vacinas contra a Covid-19 que o Ministério da Saúde havia prometido ainda para essa semana. Ao todos, serão 649.420 doses foram divididas pelo Ministério da Saúde em quatro remessas diferentes. A primeira, com 170.000 imunizantes da CoronaVac (Instituto Butantan/Sinovac), chegou às 12h35 desta terça-feira, 27 de julho, no Aeroporto Afonso Pena, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, no voo AD 4830. 

Logo em seguida, às 12h50 (voo LA 3762), chegou a segunda remessa com outras 63 mil doses da Covishield, da AstraZeneca – parte integrante do lote encaminhado ao País pelo consórcio Covax Facility. O conjunto será complementado às 20h05 desta terça-feira, com mais 298.250 imunizantes, também da AstraZeneca, essas enviadas diretamente pelo governo federal (voo AD 4078).

Por fim, as 118.170 vacinas da Comirnaty, produzida pela Pfizer/BioNTech, tem previsão de chegada para as 19h10 de quarta-feira (28), no voo LA 4721.

De acordo com a orientação do Ministério da Saúde, o lote inclui cerca de 130 mil doses para a primeira aplicação, o que deve garantir o avanço da campanha de imunização por idade no Estado. As demais são destinadas a grupos prioritários imunizados no primeiro semestre, com a conclusão do ciclo vacinal.

O objetivo da Sesa é aplicar pelo menos a primeira dose em 80% da população com mais de 18 anos no Paraná até o final de agosto. O restante da população adulta será imunizado até o final de setembro.