Arqueologia

Peças Arqueológicas são encontradas em Ortigueira

Técnicos em arqueologia de Erechim, no Rio Grande do Sul, estão realizando um trabalho de pesquisa ao longo do Rio Tibagi, na Área de impacto da Hidrelétrica Mauá, através da Habitus – assessoria e consultoria que tem como arqueólogo responsável Everson Paulo Fogolari.

O programa de resgate arqueológico, no qual se incluem a prospecção, o monitoramento conjunto à execução da obra, o salvamento com escavações em sítios relevantes e a educação patrimonial, começou em janeiro de 2010 e ainda não tem prazo para terminar. O 1° passo foi realizado há três anos, com o levantamento de todas as áreas da barragem. Agora,  está sendo feito o salvamento dessas áreas.

Ao todo são 39 sítios identificados no levantamento. As peças mais encontradas são cerâmicas indígenas e artefatos líticos (ponta de flechas e lâminas de machado), e também uma fogueira com data ainda não determinada. Participam do trabalho oito técnicos em arqueologia.