Pelosi diz que pediu revisão de segurança do Capitólio e celebra pacote fiscal

A presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, afirmou que pediu uma revisão da estrutura de segurança do Capitólio, após apoiadores do presidente Donald Trump invadirem o prédio na semana passada. Em coletiva de imprensa, nesta sexta-feira, a democrata também afirmou que as investigações sobre o episódio são "centrais".

"Eu pedi ao tenente-general aposentado Russell Honoré para liderar uma revisão imediata da infraestrutura de segurança, dos processos das agências internas e comando e controle", disse Pelosi, em relação ao Capitólio.

De acordo com ela, há um "esforço de segurança sem precedentes" no Congresso.

Ao ser questionada sobre a posse do presidente eleito do país, Joe Biden, no dia 20 de janeiro, Pelosi respondeu que a segurança terá que ser reforçada, mas que o tamanho da cerimônia já havia sido reduzido por causa da pandemia de covid-19 e a necessidade de distanciamento social.

A presidente da Câmara também celebrou o pacote fiscal de US$ 1,9 trilhão de Biden, apresentado na quinta-feira, e classificou a proposta como "ambiciosa".

Ela disse que o fechamento de 140 mil postos de trabalho no país em dezembro, de acordo com o relatório de empregos divulgado na semana passada, "mostrou a necessidade de ação urgente".