Em plena pandemia

PM acaba com festa em cobertura no Batel com aglomeração, balada e dragão gigante

(Foto: Colaboração)

A Polícia Militar acabou com uma festa na cobertura de um prédio na Avenida Visconde de Guarapuava, no bairro Batel, em Curitiba, na noite de segunda (21). Além de muitas luzes, música alta, uma pista de dança, e muitas bebidas alcóolicas, a festa ainda contou com a 'participação' de uma escultura gigante de um dragão, que entrou pela janela da cobertura com um guindaste, conforme vídeos e fotos enviados à redação do Bem Paraná. 

De acordo com informações da PM e de moradores, a primeira reclamação por perturbação de sossego a aglomeração aconteceu por volta das 21 horas, quando os policiais foram até o local e apenas orientaram o proprietário sobre o som alto. Segundo moradores da redondeza, o dono da festa aumentou o volume e mais pessoas chegaram ao local assim que a polícia foi embora. Eles então reclamaram novamente. Por volta das 23h30, a polícia retornou ao local, quando encerrou a festa e dispersou os convidados. O proprietário da cobertura, no entanto, foi liberado após receber orientações. 

De acordo com vizinhos, não é a primeira vez que o mesmo morador realiza festas durante a pandemia, mesmo com decretos de restrições. "E não tem dia de semana. É segunda, é sabado, domingo, terça. Se não fosse a pandemia já seria perturbação de sossego, mas com a covid-19 é ainda mais grave. Apesar da demora e de pouca coisa acontecer, vamos continuar reclamando", disse um vizinho. 

Diante do aumento de casos de Covid-19, o governo do Paraná determinou toque de recolher das 23 às 5 horas, proibição de venda e consumo de bebidas alcóolicas neste horário, além da proibição de confraternizações e eventos presenciais que causem aglomerações com mais de 10 pessoas. As medidas valem até pelo menos 28 de dezembro.

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta terça-feira (22) mais 6.074 casos confirmados e 129 mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus.  Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 381.409 casos e 7.400 mortos em decorrência da doença.