Operação

Polícia Civil cumpre mandados de prisão busca e apreensão em Sindicato de Curitiba

(Foto: Divulgação/Polícia Civil)

A Polícia Civil deflagrou uma operação para apurar crimes no Sindicato dos Empregados do Comércio Varejista de Gêneros Alimentícios (Siemerc). Há quatro madados de busca e apreensão expedidos pela 9ª Vara Criminal de Curitiba que estão sendo cumpridos nesta quarta-feira, 3, pela manhã. Segundo a Polícia Civil, estelionato, falsificação de documentos, apropriação indébita e lavagem de dinheiro são os crimes investigados que teriam sido cometidos, segundo a Polícia Civil, pelos diretores do sindicato.

Cerca de 20 policiais civis da Delegacia de Estelionato de Curitiba participam da ação. Até agora, as investigações apontaram que valores destinados a treinamento dos funcionários do sindicato eram desviados pelos diretores. Eles usavam empresas de fachada para a lavagem de dinheiro, ainda conforme a Polícia Civil.

De acordo com o delegado adjunto da Delegacia de Estelionato, Rodrigo Souza, foi verificado que pessoas jurídicas registradas em nome dos diretores ou de familiares deles não têm sede física. Os investigados estão no comando do sindicato há mais de uma década, conforme o delegado-titular da Estelionato, Leonardo Carneiro.