Assine e navegue sem anúncios [+]
Em São José dos Pinhais

Polícia fala em ‘fatalidade’ no acidente da BR-277; concessionária não se pronunciou

(Foto: Franklin de Freitas)

Responsável pela investigação que está sendo conduzida pela Delegacia de São José dos Pinhais, o delegado Fábio Machado disse na tarde desta segunda-feira (3), em entrevista à Banda B, acreditar que a tragédia na BR-277, ocorrida na noite de domingo (2), tenha sido uma fatalidade. O motorista do caminhão envolvido no acidente já foi ouvido e, de acordo com o policial, não estava embriagado, dirigia dentro da velocidade permitida e ainda teria tentado tirar o caminhão da pista para evitar colisões.

A Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Paraná (Agepar), por sua vez, informou ter solicitado imagens das câmeras que registrar o fluxo da rodovia e que também monitora os levantamentos que estão sendo feitos para apurar as causas da série de colisões.

Já a Ecovia, concessionária que administra o trecho da rodovia em que foi registrado o acidente, ainda não se pronunciou sobre o assunto. Ainda ontem o Bem Paraná encaminhou uma série de questionamentos à empresa e à Polícia Rodoviária Federal (PRF), como quando chegaram as primeiras chamadas sobre o incêndio, quais medidas foram tomadas a partir das denúncias e também por que não foi fechado o pedágio ou feito um bloqueio na região. Nenhum dos dois órgãos, entretanto, respondeu aos questionamentos até o fechamento desta reportagem.

Assine e navegue sem anúncios [+]

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. OK