Publicidade

Polícia faz operação contra jornalistas no Egito

Nove policiais à paisana invadiram a redação do Mada Masr, um dos poucos jornais investigativos e independentes do Egito. Os agentes confiscaram computadores e celulares e detiveram três jornalistas. O editor do jornal, Shady Zalat, foi preso em casa.

A operação foi realizada na noite de sábado, sem nenhuma justificativa das autoridades. Os quatro jornalistas foram libertados ontem.

O Egito está entre os países que mais prendem jornalistas, de acordo com a ONG Repórteres Sem Fronteiras. (Com agências internacionais)

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES