Investigação

Polícia prende três suspeitos de envolvimento no homicídio de professor em São João do Triunfo

(Foto: Rafael Stédile/Divulgação)

A Polícia Civil prendeu na sexta (7) três pessoas suspeitas de envolvimento na morte do professor Lindolfo Kosmaski, 25 anos, em São João do Triunfo, na região sul do Paraná. Os suspeitos têm 20, 33 e 39 anos e as prisões temporárias valem por cinco dias. Há suspeita de crime de homofobia. 

O corpo do professor da rede estadual, ativista LGBT e do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) foi encontrado carbonizado e com dois tiros dentro do carro, na noite dia 1 de maio.

Leia mais no Blog Plantão de Polícia