Pandemia

Por causa do 7 de setembro, Curitiba mantém bandeira laranja por mais uma semana

Efeitos do feriado poderão ser sentidos nesta semana
Efeitos do feriado poderão ser sentidos nesta semana (Foto: Franklin de Freitas)

Curitiba inicia nesta seguna-feira (21) a terceira semana desde a volta da bandeira laranja, decretada desde o feriado de 7 de Setembro. No início, seriam duas semanas na bandeira nesta cor, que significa risco médio da Covid-19. Na sexta-feira passada, a Secretaria Municipal da Saúde decidiu prorrogar a vigência da bandeira laranja.

A secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak, explica que é importante aguardar o prazo de 14 dias após o último feriado, o de 7 de Setembro, para avaliar o impacto daqueles dias de folga na pandemia do novo coronavírus.

Ela lembra que quando foi anunciada a mudança da bandeira amarela para a laranja, no dia 4 de setembro, o número de casos de Covid-19 estava começando a crescer novamente. “Sem essa intervenção, poderíamos ter voltado para uma situação semelhante à de julho, no pico da doença”, completa a secretária.

A secretária também pediu a colaboração de todos para que os indicadores melhorem e que, na próxima semana, seja possível voltar a adotar a bandeira amarela. O anúncio da cor da bandeira para a semahna que vem deve ser feito na sexta-feira.

Curitiba voltou a adotar a bandeira laranja quando foi verificado uma alta na procura por atendimento de problemas ligados às Síndromes Respiratórias Agudas — que inclui gripes e a Covid-19 — nos postos de saúde e UPAs. Isso aconteceu entre o fim de agosto e início de setembro.

No período, os números de novos casos diários que vinham em queda, voltaram a crescer, acendendo a luz de alerta e a saída da bandeira amarela. Na bandeira laranj,a as atividades voltam a ter restrições de horário e no domingo praticamente tudo fica fechado.