Porto de Santos bate recorde de movimentação de carga de contêineres

Com a pandemia da Covid-19, a fim de seguir os protocolos estipulados por órgãos oficiais da saúde, os principais portos exportadores da Ásia, América do Norte e Europa paralisaram, afetando a circulação de navios e, consequentemente, a movimentação de carga em vários países, inclusive no Brasil. Isso gerou uma crise logística mundial, acarretando a falta de contêineres no mercado.

Essa situação ocasionou diversos atrasos na escala, cancelamentos de embarques e uma maior concentração de contêineres armazenados nos terminais retroportuários. O Porto de Santos, por exemplo, de acordo com a Santos Port Authority (SPA), teve uma redução de fluxo de navios equivalente a 1,6%.

Entretanto, apesar da crise logística, a capacidade de movimentação de carga do maior complexo portuário da América Latina teve um avanço análogo a 2020. Neste ano, a SPA informou que o complexo portuário de Santos bateu o recorde de movimentação, com um aumento de 19,6% quando comparado com o ano passado.

Entre janeiro e setembro de 2021, a SPA ainda publicou que houve uma movimentação de 3,6 milhões de unidades equivalentes a um contêiner de 20 pés (TEUs). Além dessa movimentação dos 9 meses, somente no mês de setembro, foi registrado um acréscimo de 17%, com uma movimentação de 403,1 mil TEUs em relação ao mesmo mês de 2020.

Contêineres e fertilizantes demandam expansão no Porto de Santos

Ainda segundo os dados da SPA, com o crescimento de movimentação de carga, houve um desenvolvimento considerável na movimentação de fertilizantes, com avanço de 28,6% - equivalente a 5,8 milhões de toneladas no ano. Só no mês de setembro, os fertilizantes alavancaram 77,1%, cerca de 871,104 mil toneladas se comparado ao mesmo mês do ano anterior.

Por conta desse crescimento, Fernando Biral, diretor-presidente da Santos Port Authority (SPA), informa sobre a necessidade de expansão da região de Outeirinhos, do terminal STS53, que é novo e terá como finalidade realizar a movimentação e armazenagem das cargas de granéis sólidos minerais. Tendo em vista o aumento de fertilizantes, essa expansão se dará principalmente em torno desse material e de sulfatos.

Além disso, devido ao aumento na movimentação de carga de contêineres, a SPA juntamente ao Ministério da Infraestrutura planejam o maior leilão já realizado no complexo portuário de Santos. "A SPA e o Ministério da Infraestrutura preparam o que será o maior leilão de todos já realizados no Porto de Santos, o STS 10, no Saboó, que envolverá investimentos preliminares estimados em R$ 2,2 bilhões e capacidade para 2,5 milhões de TEU", comunica Fernando.

Além dessas alterações, o investimento em inovação e tecnologia será necessário e já está sendo implementado para manter uma boa estratégia logística e garantir uma projeção de crescimento até 2040. A movimentação da indústria por todo o Brasil por meio dos produtos transportados engloba também empresas de transporte, de equipamentos, como cintas de amarração para segurança, modais e outros, envolvendo um mercado muito maior dentro dos setores abrangidos, que também serão afetados de acordo com o crescimento e os investimentos realizados no complexo portuário.



Website: https://www.polifitema.com.br/fabricante-cinta-amarracao-carga/