Publicidade
Estacionamento

Prazo para troca de bloquinhos do Estar é prorrogado até 31 de julho

(Foto: Franklin de Freitas/Arquivo Bem Paraná)

A Urbanização de Curitiba (Urbs) prorrogou o prazo para a troca de bloquinhos de papel por créditos digitais do EstaR para 31 de julho. O prazo, que venceria nesta sexta-feira (10/7), foi estendido em função da grande procura por agendamentos para fazer a substituição nos últimos dias.

“Verificamos que algumas unidades da Urbs já não tinham mais vagas nesta quinta-feira. Então, em função da pandemia e para dar mais tempo para o motorista, vamos prorrogar o prazo até o fim do mês”, diz o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto.

A Urbs já atendeu 11,3 mil pessoas para troca de bloquinhos de papel por créditos digitais do EstaR. Essa é a segunda prorrogação do prazo para a troca. O período de substituição se encerrava em 10 de junho e foi prorrogado até 10 de julho e agora por mais 20 dias.

É possível trocar os bloquinhos de papel na sede da Urbs na Rodoviária ou nas unidades das ruas da Cidadania do Carmo, Pinheirinho, Cajuru, Boa Vista, Fazendinha, Santa Felicidade, Tatuquara, Bairro Novo e Matriz.

Para evitar a aglomeração de pessoas e a contaminação pelo coronavírus, é preciso agendar o atendimento pelo site da Urbs. O atendimento presencial é feito na sequência, das 11h às 17h. A troca é gratuita

As unidades da Urbs mais procuradas para a troca são a sede, na Rodoviária, e as das Ruas da Cidadania de Santa Felicidade, Matriz e Boa Vista.

Troca
Quando os talões ou folhas são entregues, o atendente insere os créditos no aplicativo que o usuário já deverá ter baixado para recebê-los em até 48 horas. Os créditos ficam disponíveis no aplicativo.

O EstaR Eletrônico, que automatiza a utilização de vagas regulamentadas na cidade e substituiu o modelo de papel pelo digital, entrou em vigor em 16 de março. Os cartões de papel deixaram de valer em 11 de maio.

O EstaR eletrônico conta com sete aplicativos ativos: Meu EstaR, Faz Digital Curitiba, El Parking, Zul EstaR Digital, EstaR Digital Zazul, Transitabile e Estacionamento Digital. Eles podem ser baixados nas plataformas Android e iOS.

O usuário pode escolher e fazer o download de um ou mais aplicativos, de acordo com sua preferência. Além disso, são 160 pontos comerciais e de serviços habilitados também a vender créditos para quem não tem o celular disponível. São restaurantes, papelarias, farmácias, padarias e cafeterias, dentre outros. A lista pode ser conferida no site www.urbs.curitiba.pr.gov.br. Este número deve crescer com a retomada do comércio, após a pandemia.

Nas ruas onde não há pontos comerciais, está prevista a instalação de totens para a venda de créditos. Curitiba conta com 12.088 vagas tarifadas de estacionamento.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES