Publicidade
Buraco

Prefeitura faz obra para conter erosão na rua do 'Mirante do Mossunguê'

(Foto: Valdecir Galor/SMCS)

O prefeito Rafael Greca esteve na manhã desta quinta-feira (16/8) na Rua Elvira Harkot Ramina, no Mossunguê. Uma empresa contratada pela Secretaria Municipal de Obras Públicas começou a trabalhar no ponto onde a rua sofreu um grave processo de erosão. Serão feitas contenção do talude e obras de drenagem.

"Vamos conter essa gravíssima erosão. O buraco na Rua Elvira Ramina dá para o complexo de vias que liga o Centro de Curitiba com a Cidade Industrial. Havia moradores de rua se instalando nele, uma tragédia anunciada", disse o prefeito, que fez a vistoria da obra com o vice-prefeito e secretário de Obras Públicas, Eduardo Pimentel, e o diretor de Pontes e Drenagem, Augusto Meyer Neto.

O ponto onde houve a erosão é conhecido como Mirante do Mossunguê, fica entre os edifícios Pierrot e Suite Vollard (prédio giratório). Dele é possível enxergar a canaleta onde passa o ônibus Expresso, na Rua Deputado Heitor Alencar Furtado.

É nesta rua que começa o trabalho da equipe, com a limpeza do terreno em declive (talude). Também será feito o escoramento necessário para que os trabalhadores possam entrar no buraco de forma segura e limpar o vão de mais de 200 metros quadrados.

Para a contenção do talude, serão utilizados sacos de geoformas têxteis, semelhantes a um tecido, que serão preenchidos com injeção de concreto, além de areia adensada e pedra.

A nova tubulação para a drenagem das águas pluviais será composta de material flexível, mais adequado para que não haja infiltração no solo.

Devido às características da obra, a secretaria precisou fazer uma licitação para contratar empresa especializada no serviço, que vai custar R$ 468,6 mil. As obras serão concluídas em 90 dias.

Engenheiros da secretaria farão o acompanhamento e a fiscalização dos trabalhos.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES