Prévia da inflação fica em 0,22% em Curitiba

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) em Curitiba, medido pelo Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes) apresentou variação de 0,22%. O período avaliado foi dos 30 dias anteriores domingo (22). 

O grupo de despesas que continua pressionando o índice, embora com menor intensidade é Habitação. No período, apresentou alta de 1,15%. Vale destacar as pressões com queda de preços: Transporte (-0,43%) e Vestuário (-1,36%). 

Já os itens que mais influenciaram, isoladamente, o resultado desta terceira prévia do mês, na ordem da maior para a menor contribuição foram: pacotes turísticos nacionais (-8,08%), gasolina comum (-2,01%), serviços de empregada doméstica (2,68%), aparelho de telefone celular (33,66%), condomínio (2,97%), passagem aérea (-9,30%), creme de pele e bronzeador (5,01%), agasalho masculino (-12,73%), pacotes turísticos internacionais (12,74%) e energia elétrica residencial (1,20%).