Publicidade
Candidatos

Prisão de Richa marca eleição para governo do Paraná

Os 7,9 milhões de eleitores paranaenses vão às urnas no próximo domingo escolher quem comandará o Estado pelos próximos quatro anos após uma campanha atípica, marcada pela desistência de um dos principais potenciais concorrentes e pelas denúncias de corrupção que levaram o ex-governador e candidato ao Senado, Beto Richa (PSDB) à prisão por quatro dias no início de setembro. Com dez candidatos no páreo, sendo dois deles: o deputado estadual Ratinho Júnior (PSD) e a governadora Cida Borghetti (PP), oriundos do grupo de Richa, a principal dúvida é se a disputa terminará já no domingo, ou se haverá segundo turno.
O primeiro fato relevante da eleição começou antes mesmo do início da campanha, quando o ex-senador Osmar Dias (PDT) – que até então dividia com Ratinho Jr o favoritismo nas pesquisas – desistiu de concorrer depois que seu irmão, o senador e candidato à Presidência da República, Alvaro Dias (Pode), sinalizou apoio ao candidato do PSD. Com o pedetista fora do páreo, Ratinho Jr se consolidou como o favorito, liderando todas as pesquisas desde o início da campanha. A última delas, divulgada pelo Ibope* há dez dias da eleição, apontou o candidato do PSD com 44% das intenções de voto, contra 17% de Cida Borghetti, 10% do deputado federal João Arruda (MDB) e 6% do ex-deputado federal Dr Rosinha (PT), indicando a possibilidade de vitória de Ratinho Jr no primeiro turno. 
Descolados - O segundo fato marcante foi a prisão de Richa e sua mulher, Fernanda Richa, em 11 de setembro, na operação Radio Patrulha, do Ministério Público Estadual, que investiga suspeitas de fraude em licitações para obras em estradas rurais. O episódio levou tanto Ratinho Jr – ex-secretário do Desenvolvimento Urbano do governo Richa entre 2013 e 2017 – quanto Cida, vice do tucano – a procurarem se distanciar do ex-governador, enquanto Arruda e outros candidatos de oposição, exploraram o fato na propaganda eleitoral e nos debates, como forma de tentar desgastar os dois líderes das pesquisas. Ratinho passou a afirmar que como secretário foi o responsável pelo maior número de obras, nenhuma delas investigada ou alvo de denúncias. Cida tentou excluir Richa de sua chapa, demitiu envolvidos ligados ao tucano que ainda ocupavam cargos em seu governo, apontando ter “varrido a corrupção” do Executivo Estadual.
Sogro - João Arruda – sobrinho do senador e candidato à reeleição, Roberto Requião – que assumiu a condição de candidato ao governo na última hora, após a desistência de Osmar, explorou o tema procurando “colar” em Ratinho Jr e Cida a pecha de representantes de Beto Richa na disputa. O deputado, porém, acabou sendo questionado pelos adversários pelo fato de seu sogro, o empresário Joel Malucelli, também ter tido a prisão decretada por envolvimento nas denúncias de direcionamento de licitações do programa Patrulha do Campo, e também na operação Integração, da Lava Jato, que investiga suspeitas de fraude no pedágio. 
Registro - *Pesquisa realizada pelo Ibope de 24/set a 26/set/2018 com 1.204 entrevistados, contratada pela RPC. Registro no TSE: PR-07128/2018. Margem de erro: 3 pontos porcentuais. Confiança: 95%. 


Ratinho Júnior
Vice: Darci Piana (PSD)
Partido: PSD
Número: 55
Coligação: PSD/PSC/PV/PR/PRB/PHS/PPS/PODE/AVANTE
Idade: 37 anos
Estado civil: casado
Grau de instrução: superior completo
Ocupação: empresário
Cargos: deputado estadual (2003/2006); deputado federal (2007/2010); deputado estadual (2015/2018)


Cida Borghetti
Vice: Sérgio Malucelli (PMN)
Partido: PP
Número: 11
Coligação: PP/PTB/DEM/PMN/PMB/PSB/PSDB/PROS
Idade: 53 anos
Estado civil: casada
Grau de instrução: superior completo
Ocupação: empresária
Cargos: deputada estadual (2003/2006), (2007/2011); deputada federal (2011/2015); vice-governadora (2015/2018); governadora (2018)


João Arruda
Vice: Professora Eliana Cortez (MDB)
Partido: MPB
Número: 15
Coligação: MDB/PDT/SD/PC do B
Idade: 42 anos
Estado civil: casado
Grau de instrução: superior completo
Ocupação: deputado
Cargos: deputado federal (2011/2014), (2015/2018)
 


Dr Rosinha
Vice: Anaterra Viana (PT)
Partido: PT
Número: 13
Idade: 67 anos
Estado civil: casado
Grau de instrução: superior completo
Ocupação: médico
Cargos: vereador de Curitiba (1989/1991), deputado estadual (1991/1994), (1995/1999); deputado federal (1999/2002), (2003/2006), (2007/2010), (2011/2014).
 


Jorge Bernardi
Vice: Juliano Murbach (PPL)
Partido: Rede Sustentabilidade
Número: 18
Coligação: Rede/DC/PPL
Idade: 62 anos
Estado civil: casado
Grau de instrução: superior completo
Ocupação: professor
Cargos: vereador de Curitiba (sete mandatos consecutivos de 1983 a 2016); presidente da Câmara Municipal (1989/1990).


Professor Piva
Vice: Fernanda Camargo (PSOL)
Partido: PSOL
Número: 50
Coligação: PSOL/PCB
Idade: 55 anos
Estado civil: casado
Grau de instrução: superior completo
Ocupação: professor
Cargos: vereador de Almirante Tamandaré (RMC) (2001/2004).


Professor Ivan Bernardo
Vice: Carminha (PSTU)
Partido: PSTU
Número: 16
Idade: 49 anos
Estado civil: casado
Grau de instrução: superior completo
Ocupação: professor


Geonísio Marinho
Vice: Eliceu Palmonari (PRTB)
Partido: PRTB
Número: 28
Coligação: PRTB/PRP
Idade: 60 anos
Estado civil: casado
Grau de instrução: superior completo
Ocupação: economista


Ogier Buchi 
Vice: Dr Caxias Ribas (Patriota)
Partido: PSL
Número: 17
Coligação: PSL/PTC/PATRI
Idade: 66 anos
Estado civil: casado
Grau de instrução: superior completo
Ocupação: advogado


Priscila Ebara
Vice: Hallyson Coutinho (PCO)
Partido: PCO
Número: 29
Idade: 42 anos
Estado civil: casada
Grau de instrução: superior completo
Ocupação: professora

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES