Assine e navegue sem anúncios [+]
Lava jato

Procuradores se arrependem de voto em 2018

Procuradores da Operação Lava Jato se dizem arrependidos de terem votado em Jair Bolsonaro (sem partido) à Presidência da República, em 2018. Segundo a revista Época, para os integrantes da operação, Bolsonaro está trabalhando deliberadamente para matar não só a Lava Jato, mas todas as condições que permitiram seu surgimento.
Mais recentemente, na última terça-feira, 28, o procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou que a Operação Lava Jato é uma “caixa de segredos”. As declarações foram feitas durante uma webconferência com o tema “Os desafios da PGR em Tempos de Pandemia”, promovida pelo grupo Prerrogativas. Aras foi indicado ao cargo de PGR pelo presidente da República, Jair Bolsonaro. De lá para cá, os dois grupos do MPF trocam acusações.

Assine e navegue sem anúncios [+]

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. OK