Publicidade
Carbonell

Ratinho Jr desmente demissão de secretário de Segurança

(Foto: Reprodução / CMC)

O governador Carlos Massa Ratinho Junior (PSD) negou no início da noite desta quarta-feira (10) que o general Luiz Felipe Kraemer Carbonell tenha pedido para deixar o cargo de secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná (Sesp-PR). A informação havia sido confirmada no fim da tarde pela assessoria de imprensa do Palácio Iguaçu. Carbonell teria alegado problemas de ordem pessoal. 

Questionado sobre um suposto convite recebido pelo general para atuar no governo federal, Ratinho Jr disse que é natural que ele tenha recebido convites, mas que não confirma a demissão. "Já teve convites, inclusive, desde janeiro para alguns cargos federais, uma coisa constante, mas ele é nosso secretário, está bem, está rodando, falei com ele agora, estava em Apucarana e vinco pra cá (Londrina). Obviamente que convites de outras áreas do governo federal já teve algumas inclusive, mas ele tem trabalhado com a gente, tem feito um belo trabalho, amanhã vamos estar inaugurando aqui em Londrina a Delegacia da Mulher com 24 horas o atendimento. Acho que é uma especulação", disse. 

Primeiro secretário anunciado pelo governo Ratinho Junior (PSD), ainda antes da posse do governador, Carbonell foi chefe da assessoria de Informações da Itaipu Binacional. Ele também serviu no Centro de Comunicação Social do Exército, em Brasília, e foi Chefe da Seção de Comunicação Social da Missão das Nações Unidas para Estabilização do Haiti, a MINUSTAH, em Porto Príncipe.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES