CARtórios

Recorde também no País

O levantamento dos cartórios de registro civil brasileiros mostra que o fenômeno de agosto não ficou restrito ao Paraná. Ele revela que o mês de agosto deste ano foi o que mais registrou óbitos no País, desde o início da série histórica feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2002. Os dados catalogados pelo IBGE com base nos registros até 2018 (última divulgação), comparados aos dos anos de 2019 e 2020 disponíveis no Portal da Transparência dos Cartórios, mostram um total de 126.717 óbitos no mês, 17,1% a mais que os 108.178 de agosto do ano passado. Apesar dos dados, quando considerados os registros de óbitos por covid-19, o mês de agosto teve o menor número desde maio, com 24.966 mortes, queda de 13,7% em relação a julho, movimento diferente ao do Paraná.