Publicidade
Grande Curitiba

Região Metropolitana tem interdição de empresa e lockdown

O fim de semana na Região Metropolitana de Curitiba foi de muitas ações por conta da Covid-19. Em São José dos Pinhais, a Prefeitura interditou uma empresa depois que 48 funcionários testaram positivo para o novo coronavírus. Em Quatro Barras a Prefeitura decretou lockdown na zona rural.

No sábado, a Prefeitura de São José dos Pinhais interditou uma empresa localizada às margens da BR-376, no bairro Contenda, após diagnosticar com Covid-19 48 funcionários da empresa que presta serviço terceirizado à companhia de energia elétrica.

Com base no diagnóstico a Secretaria de Saúde realizou a notificação com todas as recomendações que a empresa deverá seguir nos próximos 14 dias. “A empresa deve separar as pessoas contaminadas das que não estão e todos os funcionários estão proibidos de deixar as dependências da empresa por qualquer motivo, a não ser para atendimento médico”, explicou o diretor do departamento Odevair Mathias.

Quatro Barras — O prefeito de Quatro Barras, Angelo Andreatta, decretou, na sexta-feira, “lockdown” em seis localidades da zona rural do município para prevenir o avanço de casos do novo coronavírus. Até o boletim de sexta-feira da Secretaria de Estado da Saúde, Quatro Barras tinha 15 casos confirmados de Covid-19, com um óbito.

O fechamento e bloqueio destas regiões é feito pela Guarda Municipal. O “lockdown” atinge as regiões do Palmitalzinho, Ribeirão do Tigre, Campininha, Rio do Meio, Estrada do Pocinho e Fazenda Lagoinha.

Pinhais — A Prefeitura de Pinhais ampliou o horário de funcionamento de serviços não essenciais, que a partir de agora poderão funcionar das 10 às 20 horas, de segunda a sábado. O decreto com foi publicado na sexta-feira e também incluiu alguns serviços como essenciais: produção, distribuição e entrega, realizadas presencialmente ou por meio do comércio eletrônico, de produtos de saúde, higiene, alimentos e bebidas, inclusive restaurantes, lanchonetes, padarias e estabelecimentos congêneres. Com a inclusão na categoria essenciais, estes serviços não terão mais restrição de horário.

Fazenda Rio Grande — A Prefeitura de Fazenda Rio Grande publicou na sexta-feirao decreto que prorroga até o dia 30 de junho, as medidas restritivas dentro município em relação ao combate e prevenção à Covid-19. O o Decreto também regulamenta o uso dos espaços públicos nos parques, porém, sem liberação de estacionamento e proibindo o uso das churrasqueiras. Mas o decreto também claro que novas medidas podem ser adotadas antecipadamente.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES