Publicidade
Temporada de chuva

Regionais de Curitiba recebem novo estoque de lonas para atender emergências

(Foto: Valdecir Galor/SMCS)

A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil recebeu um novo lote de lonas plásticas para o primeiro atendimento à população em situação de emergências eventuais, que podem ser provocadas por vendavais, chuvas fortes e queda de granizo.

São 214 rolos do material, que já começou a ser distribuído para as dez regionais da cidade. Parte das lonas ficará com a Defesa Civil para futura entrega às áreas que tiverem mais necessidade.

Esse é um reforço no material entregue periodicamente. Além do estoque de lonas, no ano passado novas picaretas, pás, marretas e enxadas foram enviados para as regionais , que mantêm uma estrutura e um grupo de servidores preparados para prestar atendimento ao cidadão rapidamente.

“A Guarda Municipal também faz esse trabalho de socorro ao cidadão e costuma ser o primeiro órgão a chegar aos locais afetados e prestar auxílio logo nos primeiros momentos”, explica o secretário municipal de Defesa Social e Trânsito, Guilherme Rangel.

Na sequência, a rede montada e capacitada pela Defesa Civil atua rapidamente para o suporte necessário, dependendo de cada situação. “São servidores da própria administração regional, da Fundação de Ação Social (FAS), do Meio Ambiente e de diversas outras áreas acionados sempre que necessário”, conta o chefe de planejamento da Defesa Civil de Curitiba, Marcelo Santos.

Treinamentos
Ao longo de todo o ano, a Defesa Civil do município mantém um cronograma de capacitação e atualização de servidores e também da comunidade. “É importante ampliarmos e atualizarmos os conhecimentos para que, cada vez mais, um número maior de pessoas saiba quais são os procedimentos fundamentais a serem feitos nos primeiros minutos após uma situação de emergência”, acrescenta Santos.

Os treinamentos incluem palestras, informações teóricas e exercícios simulados, que também são realizados por meio do programa Conhecer Para Prevenir (CPP) - Defesa Civil na Educação, implantado em 100% da rede de ensino municipal, nas unidades contratadas e que vem sendo ampliado para instituições educacionais privadas interessadas na iniciativa, como o Grupo Marista.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES