Assine e navegue sem anúncios [+]
Montadora

Renault e metalúrgicos retomam negociação sobre demissão de 747 funcionários

(Foto: SMC )

Em encontro, realizado nesta quinta-feira, 6 de agosto, no final da tarde, o Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba (SMC) e a Renault do Brasil voltaram a mesa de negociação para discutir a decisão judicial, emitida na última quarta-feira, 5, pela 3ª Vara do Trabalho, de São José dos Pinhais (PR), que determinava a readmissão dos 747 trabalhadores demitidos pela montadora no último dia 21 de julho. Além de debater a situação dos reintegrados, o SMC e a empresa também estabeleceram negociação para construir uma proposta de acordo que comtemple a manutenção dos empregos e a viabilidade da vinda de novos produtos para a fábrica.

Uma nova reunião está marcada deve acontecer nesta sexta-feira, 7 de agosto, a partir das 14 horas.

“Atendendo nosso pedido, a Renault finalmente aceitou sentar para conversamos e debater a situação dos trabalhadores e da fábrica. Sempre estivemos abertos para debater alternativas que a empresa pode utilizar antes de demitir simplesmente. Queremos construir uma proposta que atenda todos os trabalhadores da fábrica assim como fortaleça a competitividade da empresa. Esse sempre foi o nosso objetivo e vamos trabalhar para isso”, resume o presidente do SMC, Sérgio Butka.

A greve dos metalúrgicos da Renault completa hoje 17 dias. Na decisão judicial que obriga a Renault a readmitir os trabalhadores sobre pena de multa diária de R$ 100.000,00 caso a empresa não cumpra a determinação, a Justiça entendeu que a montadora descumpriu uma TAC (Termo de Ajuste de Conduta) que a empresa assinou com o Ministério Público do Trabalho recentemente.

A fábrica da Renault, em São José dos Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba, possui cerca de 7.300 trabalhadores que produzem os modelos Sandero Stepway, Logan, Kwid, Duster, Oroch, Master e Captour. A fábrica ainda conta com uma unidade de motores e de injeção de alumínio.

Assine e navegue sem anúncios [+]

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. OK