Paraná

“Renovação de Comelli é prioridade”

O presidente do Paraná Clube, Aurival Correia, afirmou ontem que a renovação do contrato do técnico Paulo Comelli é prioridade. “Para 2009, temos muitos jogadores sendo observados, mas primeiro vamos fechar com a comissão técnica. Não vamos contratar ninguém que não tenha o aval da comissão técnica”, declarou o dirigente, em entrevista à rádio CBN.

Aurival explicou que está perto de um acerto com Comelli. “Temos todo interesse e ele também. Falta acertar alguns detalhes”, afirmou. A principal questão a ser negociada, segundo o presidente, é o salário do treinador para 2009. “A preocupação é no aspecto financeiro, porque o Campeonato Paranaense é deficitário. Mas temos certeza que a renovação vai ser tranqüila”, comentou.

Após a vitória sobre o Gama, na terça-feira, Comelli foi cauteloso ao falar sobre 2009. Disse que tem interesse em permanecer, mas que prefere falar do assunto apenas depois de livrar o Paraná do rebaixamento.

Aurival Correia contou que também está tentando renovar os empréstimos dos jogadores cedidos pelo Flamengo: o zagueiro Fabrício, o atacante Eder, o meia Camacho e o volante Rômulo. “O relacionamento com o Flamengo é bom”, disse o dirigente. “Mas o futebol do Fabrício apareceu bastante nessas atuações pelo Paraná e acabou valorizando o atleta”, declarou. “Mesmo assim, há a promessa que o assunto será estudado”, explicou.

Ricardinho é absolvido — O atacante Ricardinho foi absolvido ontem no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pela expulsão contra o Corinthians. Na súmula, o árbitro Alicio Pena Junior, de Minas Gerais, relatou que o jogador deu um tapa no rosto de Chicão. A Procuradoria do STJD denunciou o jogador no artigo 253 (agressão física) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que prevê suspensão de 120 a 540 dias.

O advogado Itamar Cortes conseguiu provar que não houve violência no lance. “Fiquei positivamente impressionado, porque essa Comissão Disciplinar é a mais rigorosa”, comentou Cortes. Ricardinho também esteve no STJD e deu sua versão. “Houve apenas um tranco”, declarou o jogador, que está liberado para enfrentar a Ponte Preta, no sábado. “A presença do atleta do tribunal auxiliou muito a defesa”, contou o advogado.(SRF)



Escalação
O volante Pituca e o zagueiro Leandro estão suspensos para a próxima partida, sábado na Vila Capanema, contra a Ponte Preta. O primeiro foi expulso na vitória sobre o Gama, na terça-feira. Leandro recebeu o terceiro cartão amarelo e agora será substituído por Daniel Marques, que cumpriu suspensão na última rodada.

Cálculos
O Paraná Clube tem agora apenas 0,4% de risco de rebaixamento, segundo o site Chancedegol. O time ainda terá duas partidas em casa (contra a Ponte Preta e o CRB) e uma fora (contra o Santo André).