Roger Machado minimiza problemas na defesa do Flu: 'Acho que nosso time é sólido'

O Fluminense está na decisão do Campeonato Carioca e com um pé nas oitavas de final da Copa Libertadores. Com a vitória de virada por 2 a 1 sobre o Independiente Santa Fe, da Colômbia, na quarta-feira, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, o time precisa de apenas um empate na próxima rodada contra o também colombiano Junior Barranquilla, novamente em casa. E neste sábado começa a decidir o Estadual contra o Flamengo.

Contente com a performance de seus comandados, o técnico Roger Machado comemorou a vitória e elogiou o sistema defensivo. "Acho que o nosso time é sólido. Adversário, embora tenha tido maior volume de jogo, às vezes que finalizou ou finalizou de fora da área ou desequilibrado. Temos média de menos de um gol sofrido por partida. Isso denota que é sólida a defesa. A questão é que estamos enfrentando dentro de um grupo duas equipes excepcionalmente talentosas no manejo da bola, que têm em sua característica a posse de bola. Inevitavelmente vai sofrer um pouco mais", afirmou.

Roger Machado foi muitas vezes questionado sobre a má atuação da equipe. Ao mandar uma mensagem para a torcida no final da entrevista coletiva, em tom de desabafo, o técnico rebateu as críticas em cima do desempenho e exaltou os resultados.

"A torcida, a gente não tem essa energia do estádio, mas o que tem sentido na rua é justamente esse acolhimento do torcedor. Saber que pegamos um grupo muito difícil, por vezes os questionamentos na coletiva falando de sofrimento, nós estamos jogando uma Libertadores, uma competição extremamente difícil. A expectativa do ambiente externo é que teríamos dificuldade inclusive para ser competitivo. Estamos mostrando que com a união, solidariedade, persistência, jogando ao estilo Libertadores, sem ter muito a bola nos pés como torcedor gostaria, estamos liderando o grupo", disse o técnico.

"Por vezes a gente não consegue nem curtir uma vitória em função de questionamentos por ter vencido e não convencido. Vencer que é bom, os três pontos que são bons. Quando conseguirmos jogar, priorizaremos a posse da bola, quando não conseguirmos vamos competir", prosseguiu.

Agora o Fluminense muda o foco para a primeira partida da final do Campeonato Carioca, neste sábado, às 21h05, contra o Flamengo, no Maracanã. Roger Machado ainda não sabe como escalar o time.

"Amanhã (quinta-feira) a gente vai ver. Hoje só quero curtir um pouquinho esses três pontos importantes. Eu tenho um grupo forte, que sempre que foi chamado para entrar na arena correspondeu bem. Desde lá dos meninos no início do Estadual, com um grupo diferente pelo recesso de 10 dias dos demais. Hoje não me preocupa em nada os que vão para campo porque estamos sempre bem servidos", completou.