Assine e navegue sem anúncios [+]

Russa que vendeu virgindade por R$ 62 mil não cometeu crime

Uma russa de 18 anos vendeu a virgindade em um leilão online por 900 mil rublos (cerca de R$ 62 mil), causando polêmica. Contudo, segundo a polícia de Krasnoyarsk, na região russa da Sibéria, a jovem não cometeu nenhum crime.

Em entrevista ao Siberia Times, um porta-voz da polícia russa afirmou que russa, identificada apenas como Shatuniha, não cometeu nenhuma infração e que os policiais não tem o direito de dar uma avaliação moral das ações da menina.

De acordo com o The Times , a mesma mulher já havia oferecido a sua virgindade em troca de dinheiro em outro site no começo deste ano, quando ela tinha 17 anos de idade.

A jovem afirma que resolveu leiloar a virgindade porque precisa de dinheiro urgentemente. No site de leilões 24au.ru, a jovem se descreveu como nova, não usada e disse que estava pronta para se encontrar com o vencedor do leilão o mais breve possível.

O vencedor do leilão foi um homem chamado Evgeniy Volnov, que pagou cerca de R$ 7 mil acima do valor original do leilão.

Assine e navegue sem anúncios [+]

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. OK