Flibi

Segunda edição da Festa Literária da Biblioteca começa na segunda-feira

(Foto: Divulgação BPP)

Começa na segunda-feira (22) a segunda edição da Flibi — Festa Literária da Biblioteca. O evento, que segue até sábado (27), acontece durante a Semana Nacional do Livro e da Biblioteca com mais de 60 convidados em palestras, bate-papos, oficinas, atividades para o público infantil e apresentações de música e teatro. O curador da Flibi é o escritor e jornalista Marcio Renato dos Santos. A promoção é da Biblioteca Pública do Paraná e a entrada é gratuita.

No primeiro dia, às 19h30, Mary Del Priore fala sobre a história do amor e da sexualidade no Brasil, com a presença de um intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras). Ela é historiadora e autora de diversas obras, entre as quais Esquecidos por Deus (2000), A condessa de Barral (2008) e Matar para não morrer (2009). Antes da palestra, às 19h15, o diretor do BPP, Rogério Pereira, apresenta a Flibi 2018 no auditório.

O coletivo artístico curitibano Selvática fala sobre os seis anos de atividades, a partir das 16h, na Arena BPP. No mesmo espaço, às14h, Alessandro Andreola, João Varella e Bruno Zeni conversam sobre autopublicação.

A partir das 15h, no auditório, ocorre a exibição do filme A pedra dos sonhos. Com exceção de terça-feira, 23 de outubro, e sábado, 27, a biblioteca exibe filmes para o público infantil durante a Flibi, com entrada gratuita e sempre no mesmo horário e local.

Às 11h, Nelson de Oliveira faz palestra, na Arena BPP, sobre a vida e a obra do homenageado da Flibi 2018, Jamil Snege (1939-2003), escritor que estreou na ficção há 50 anos com “Tempo sujo”. Em espaços da biblioteca, Kenni Rogers lê fragmentos da obra snegiana, às 10h30, acompanhado de Maluz e, às 15h30, com Serginho Smith. Eles também vão declamar textos autorais.

Adriana Tabalipa ministra a oficina Experimentação gráfica, das 9h às 11h na Seção Infantil da BBP, de 22 a 26 de outubro. Diariamente, a artista vai oferecer ao público infantil um curso de desenho com começo, meio e fim. Não é necessário fazer inscrição para participar.

Carola Saavedra coordena nesta segunda (22) e na terça-feira (23), das 14h às 17 horas, o curso de narrativas, que será conduzido por Joca Terron nos dias 24 e 25. Foram ofertadas 20 vagas gratuitas para candidatos maiores de 18 anos que se inscreveram por meio do site da BPP.

Também na segunda-feira (22), às 17 horas, Bruno Hrabovsky é a atração do projeto Música na Biblioteca. Alyne Rocha apresenta o Teatro Lambe-lambe: A menina e o mundo, às 12 horas, no hall térreo.

Na mesma data, os autores também fazem sessões de autógrafos e suas obras estarão à venda no hall térreo da BPP. Às 10h, Nelson de Oliveira assina exemplares de Oneironautas (2018), seu livro mais recente. Às 15h, depois do bate-papo sobre autopublicação, é a vez de Alessandro Andreola, João Varella e Bruno Zeni autografarem diferentes obras. Após da palestra que realiza no auditório, às 20h30, Mary Del Priore autografa os três volumes da coleção Histórias da gente brasileira.

O diretor da BPP, Rogério Pereira, afirma que a Flibi resume em seis dias as atividades que a Biblioteca já realiza regularmente. “A Festa Literária é uma espécie de intensivo do que oferecemos ao público, contemplando diversas áreas e ampliando, ainda mais, o diálogo com a comunidade”, diz Pereira. Ele destaca que outras propostas, como projeção de filmes, também integram esta segunda edição da Flibi — toda a programação está disponível no site da Biblioteca.

O curador da Flibi, Marcio Renato dos Santos, destaca que este ano foi possível aprimorar ainda mais a Festa Literária. “Ampliamos a programação, contemplando artistas, escritores, historiadores e jornalistas nacionais e paranaenses. Há diversas linguagens, de performance à música e teatro. Mas, evidentemente, a ficção e a poesia estão presentes neste evento que presta homenagem a um prosador e poeta, o Jamil Snege”.