Sem casos de covid-19, Atlético-GO visita Corinthians em jogo da 1ª rodada

Com reforços em série e aliviado por não apresentar casos de covid-19 no elenco, o Atlético-GO vai visitar o Corinthians nesta quarta-feira, às 21h30, na Neo Química Arena, em São Paulo, em duelo atrasado da primeira rodada do Brasileirão. O time goiano terá o reforço de cinco titulares.

Eles haviam sido poupados no empate com o Botafogo por 1 a 1, no fim de semana. O lateral-direito Dudu, o lateral-esquerdo Nicolas, o zagueiro Éder, o meia Chico e o atacante Gustavo Ferrareis voltam para a formação titular. Há uma disputa no meio-campo entre Matheuzinho e Matheus Vargas. Contratado junto a Ponte Preta na semana passada, o atacante Zé Roberto está regularizado e disputa posição com Hyuri.

Por outro lado, o técnico Vagner Mancini não pode contar com o zagueiro João Victor e o atacante Janderson por questão contratual. Ambos estão emprestados pelo Corinthians e foi firmado um acordo entre os clubes pela não utilização em confronto direto.

Uma temeridade da comissão técnica era em relação aos testes de covid-19 depois de o time ter enfrentado o Fluminense na semana passada, pela Copa do Brasil. O time carioca apresentou muitos casos da nova doença. Mas a boa notícia veio nesta terça-feira: nenhum dos 19 testes realizados deu positivo.

Mas a preocupação maior é mesmo com o desgaste causado pela maratona de jogos. Depois do jogo em São Paulo, o time já vai seguir para o Ceará para enfrentar o Fortaleza, domingo, às 18h15, pela 13º rodada.

Vagner Mancini justificou o motivo pelo qual começou a promover o rodízio entre os jogadores. "Esta dificuldade de muitos jogos não é exclusividade nossa, mas nós temos um elenco enxuto e não podemos perder ninguém por lesões. Então fizemos um planejamento para suportar estes três jogos em sete dias", afirmou o treinador.

Na 13ª colocação do Brasileirão, com 13 pontos, o Atlético-GO espera encerrar o jejum de dois jogos sem vitória no campeonato para se distanciar da zona de rebaixamento.