Publicidade
Mutirão

Sexta etapa do Curitiba sem Mosquito acontece no Uberaba

(Foto: SMCS)

Moradores de algumas regiões do Uberaba recebem, a partir desta quinta-feira (22/8), a sexta edição do Mutirão Curitiba sem Mosquito de 2019. A ação é feita em parceria pela secretarias municipais da Saúde e do Meio Ambiente para evitar criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya.

Nesta quinta (22/8) e sexta-feira (23/8), agentes comunitários de saúde e agentes de endemias visitam as casas e orientam os moradores para limpar os terrenos e colocar os entulhos em sacos plásticos, em frente às casas.

Na semana seguinte, na segunda (26/8) e terça-feira (27/8), caminhões do departamento de Limpeza Pública da Secretaria Municipal do Meio Ambiente vão passar pelo local para recolher os entulhos.

Para a aposentada Irena Weber, 65 anos, o trabalho da Prefeitura é muito importante, mas a população também tem que fazer a sua parte.“Cada um tem que cuidar da sua casa, não adianta eu cuidar e o meu vizinho não, nós temos que colaborar”, comentou Irena.

A coordenadora do Programa Municipal de Controle do Aedes, Tatiana Faraco, complementa que, além de manter a rotina de cuidados, os moradores devem receber os agentes.

“Nossos profissionais estão sempre uniformizados e com crachás de identificação. Em caso de dúvida, há a possibilidade de ligar para o 156 para checar se é um agente de endemias, a central tem uma lista com os nomes de todos os profissionais”, explica.

Os mutirões Curitiba sem Mosquito fazem parte do Programa Municipal de Controle do Aedes aegypti, que durante todo o ano tem ações de fiscalização e orientação para prevenir a dengue e outras doenças transmitidas pelo mosquito.

Como identificar

Os agentes de endemias da Secretaria Municipal da Saúde usam camiseta azul clara, boné, calça e jaqueta azul marinho. Todas as peças, assim como o crachá de identificação, levam a logomarca da Prefeitura de Curitiba. Eles não usam jalecos brancos.

A garçonete Silvani Sabino, 42 anos, diz que sempre que os agentes batem à porta são bem recebidos. Para ela, é uma oportunidade de aprender um pouco mais sobre os cuidados. “Eles são prestativos. Fazem a vistoria e também dão dicas de como cuidar do quintal, é sempre bom ter novos conhecimento”, contou.

Balanço

Este é o terceiro ano que a Prefeitura promove os mutirões Curitiba Sem Mosquito, com a coleta de entulho nos dez distritos sanitários da cidade. Em 2017 e 2018, foram recolhidos mais de duas mil toneladas de entulhos em toda a cidade, o garantiu o baixo índice de infestação do mosquito, que transmite doenças como a dengue, zika e chikungunya.

Só neste ano foram coletadas mais de 230 toneladas de entulhos nas regionais Boa Vista, Boqueirão, CIC, Portão e Pinheirinho. As áreas selecionadas para visitação são escolhidas por concentrarem um número grande de possíveis criadouros do mosquito. 

Como combater o mosquito Aedes aegypti

1 - Mantenha caixas, tonéis e barris de água tampados.
2 - Coloque o lixo em sacos plásticos e mantenha a lixeira sempre bem fechada.
3 - Não jogue lixo em terrenos baldios.
4 - Ao guardar garrafas de vidro ou plástico, coloque sempre a boca para baixo.
5 - Não deixe a água da chuva acumular sobre a laje.
6 - Encha os pratinhos ou vasos de planta com areia até a borda.
7 - Se for guardar pneus velhos, retire toda a água e mantenha-os em locais cobertos, protegidos da chuva.
8 - Limpe as calhas com frequência, evitando que galhos e folhas impeçam a passagem da água.
9 - Lave pelo menos uma vez por semana, com água e sabão, recipientes utilizados para guardar água.
10 - Os vasos de plantas aquáticas também devem ser lavados com água e sabão, toda semana. É importante trocar a água desses vasos com frequência.

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES