Análise

Só posse de bola e passe curto? Atlético é o melhor do Brasileirão nos lançamentos

"Rossetto: 100% de precis\u00e3o nos lan\u00e7amentos"
"Rossetto: 100% de precis\u00e3o nos lan\u00e7amentos" (Foto: Geraldo Bubniak)

O Atlético do técnico Fernando Diniz ganhou fama nacional pela posse de bola e pela qualidade nos passes curtos. No entanto, não é só desse expediente que vive a equipe. As estatísticas também mostram que o Furacão é o melhor do Campeonato Brasileiro nas bolas longas.

O time de Diniz tem o maior índice de precisão nos lançamentos, com 71%. Para se ter uma ideia, o líder da competição, o Flamengo, registrou 50% de eficiência nesse tipo de jogada até agora. Os dados são do site inglês WhoScored, especializado em análise de desempenho.

Além disso, a bola longa não é um recurso pouco usado pelo Atlético. A equipe é a sétima que mais usa lançamentos no Brasileirão, com 57 por jogo. 

No aspecto individual, os destaques do time de Diniz nos lançamentos são o volante Rossetto e o meia-atacante Nikão, ambos com 100% de precisão. Rossetto, que vem jogando na ala-direita, acertou todas as nove tentativas e Nikão, as oito. O volante Pavez, que está atuando como zagueiro, tem 83% de precisão nas bolas longas. O pior é o goleiro Santos, com 48% (acertou 18 e errou 19). 

Em outras estatísticas, não há surpresas no Brasileirão 2018. O Atlético tem a maior precisão nos passes curtos, com 91%, e é o time que mais usa esse recurso (574 vezes por jogo). A Chapecoense, por exemplo, só acertou 179 passes curtos por jogo.

No aspecto individual, o goleiro Santos é o jogador do Atlético mais eficiente nos passes curtos, com 99% (76 certos e um errado). 

No quesito posse de bola, o Atlético é o segundo colocado, com 59,0%. O primeiro é o Vasco, com 60,4%. Já o Flamengo, que lidera na pontuação, é apenas o 17º em posse de bola, com 47,2%.