Polêmica

Sócio do Atlético, eleitor do PT diz que foi barrado na Arena da Baixada. Veja!

(Foto: Reprodução)

Um torcedor do Atlético Paranaense, que também é sócio do clube, denunciou ter sido impedido de entrar na Arena da Baixada com adesivos de apoio à campanha de Fernando Haddad (PT). Em um vídeo publicado em seu perfil nas redes sociais, Luis Machado contou que estava com seu pai, Lauro, e que os dois foram barrados pelos seguranças do clube. Só pueram entrar na Arena para acompanhar o jogo entre o Furacão e o Botafogo após retirarem o material da campanha petista.

Nas imagens, Luis aparece ao lado do pai. Eles estão em frente ao estádio atleticano e também questionam os seguranças do clube sobre o porque de não poderem entrar na Arena com os adesivos do candidato que apoiam. "Ordem superior", limitam-se a dizer os funcionários, sem especificar de que seriam tais ordens.

Ao comentar a situação, Luis afirma: "O estádio do clube está erde e amarelo, o presidente do clube já declarou voto a um dos candidato e eu estou sendo impedido de entrar no estádio com a manifestação de voto do meu candidato. (...) Estamos sendo impedidos de manifestar a nossa opinião política durante um jogo de futebol aqui na Arena da Baixada. Frise-se: um estádio que está verde e amarelo, de um clube que é conhecido por sua força rubro-negra. (...) Estou tirando o adesivo para poder entrar no estádio. O presidente do clube expressa sua opinião política, mas não quer que os sócios expressem a sua."