Assine e navegue sem anúncios [+]
Denúncia anônima

Suspeito de envolvimento na morte do secretário de obras é preso em Quedas do Iguaçu

Suspeito foi preso na manh\u00e3 do \u00faltimo s\u00e1bado (21\/04).
Suspeito foi preso na manh\u00e3 do \u00faltimo s\u00e1bado (21\/04). (Foto: Polícia Civil do Paraná)

Um homem, de 34 anos, suspeito de ter envolvimento na morte do secretário municipal de obras da cidade de Quedas do Iguaçu, região Centro Sul do Paraná, foi preso na manhã do último sábado (21/04), por policiais civis da delegacia da cidade, em uma via pública do bairro Vila Dias. 

O fato aconteceu no dia 08 de novembro de 2017, quando o secretário foi assassinado com mais de 20 tiros, disparados por diversas armas de fogo ao mesmo tempo. A vítima estava saindo de casa para trabalhar, quando foi surpreendido pelos atiradores.

Os policiais chegaram até o suspeito, após denuncias anônimas, relatando o seu paradeiro. “Ao ser abordado, o suspeito saiu correndo e efetuou alguns disparos contra os policiais, que após percorrerem alguns quilômetros em busca do homem, obtiveram sucesso em abordá-lo. Ele ofereceu resistência a prisão e precisou ser imobilizado”, informa o delegado responsável pelo caso, Michel Leite Perreira Silva.

O suspeito possui em seu desfavor um mandado de prisão em aberto pelos crimes de corrupção de menores e roubo. Ele foi levado para a Delegacia de Quedas do Iguaçu, onde foi autuado pelo crime de homicídio, e, em seguida encaminhado para o Setor de Carceragem Temporária (Secat) da delegacia, onde permanece à disposição da Justiça.

No final de janeiro outro suspeito, um homem, de 22 anos, conhecido como “Silvinho”, foi preso, por força de dois mandados de prisão em aberto pelos crimes de roubo agravado e tentativa de homicídio. A prisão aconteceu no bairro Vila Dias, por meio de um trabalho conjunto realizado entre a Polícia Civil de Quedas do Iguaçu e a Polícia Militar do município.

Segundo informações policiais, “Silvinho” é suspeito por um roubo a um comércio da cidade, que causou um prejuízo superior a R$20 mil para estabelecimento, além de crimes contra o patrimônio. O rapaz também é suspeito de envolvimento com tráfico de drogas e crimes de homicídios ocorridos no último ano em Quedas do Iguaçu, um deles, inclusive, vitimou o secretário de obras do município, Jair de Andrade, no dia 08 de novembro de 2017.

Assine e navegue sem anúncios [+]

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. OK