Publicidade
Dinheiro público

TCE e CGU orientam prefeitos sobre devolução de auxílio recebido indevidamente por servidores

Segundo TCE, mais de 10 mil servidores teriam recebido auxílio indevidamente
Segundo TCE, mais de 10 mil servidores teriam recebido auxílio indevidamente (Foto: TCE/PR)

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná está divulgando as orientações da Controladoria-Geral da União para a devolução de valores indevidamente recebidos por pessoas que não possuem o direito legal ao auxílio emergencial criado pelo governo federal em decorrência da pandemia da Covid-19. Levantamento conjunto entre o TCE-PR e CGU apontou que 10.648 servidores, de 388 prefeituras do Paraná, constam como recebedores do benefício.

Leia mais no blog Política em Debate

Publicidade

Plantão de Notícias

Mais notícias

DESTAQUES DOS EDITORES