Campeonato Paranaense

Técnico do Paraná Clube elogia 1º tempo, mas lamenta final 'frustrante'

Allan Aal
Allan Aal (Foto: Valquir Aureliano)

O técnico do Paraná Clube, Allan Aal, fez um balanço do desempenho da equipe, após a derrota na Vila Capanema para o FC Cascavel, nessa quinta-feira (dia 30). “Frustrante, frustrante”, disse o treinador, ao responder a primeira pergunta na entrevista coletiva. “Principalmente pelo primeiro tempo, quando poderíamos ter terminado com placar mais elástico”, afirmou. “Voltamos desatentos para o segundo tempo. A bola estava no nosso pé no lance que surgiu o pênalti deles”, comentou.

“Faltou maturidade quando ficamos com um jogador a mais. Faltou cabeça no lugar, circular a bola, ter paciência, manter a organização”, explicou.

Em relação ao Campeonato Paranaense, o técnico demonstrou confiança. “Vamos nos classificar entre os quatro, se tudo correr bem. Aí no mata-mata é outra história”, afirmou.

Perguntado sobre a discussão com o técnico do Cascavel e a expulsão dele, Allan Aal deu sua versão. “A discussão foi desnecessária. Em momento algum eu estava me referindo ao Cascavel ou ao treinador deles. Estava me direcionando com ao 4º árbitro. Aí não sei porque vieram pra cima, achando que eu estava direcionando para eles”, disse. “Foi coisa do calor do jogo. Infelizmente são coisas do futebol”, completou.

O técnico do FC Cascavel, Marcelo Caranhato, também falou sobre o caso. "Ele (Allan Aal) se dirigiu até o nosso banco falando algumas palavras em voz alta. Palavras que não cabem aqui. E comentando que a gente estava reclamando o tempo todo. Houve só uma discussão. Foi coisa do jogo", declarou, em entrevista à rádio Transamérica.